FOI RUIM, MAS FOI BOM

 

Foto: Paraibaonline

 

Na tarde deste domingo (26), o ASA foi até a cidade de Campina Grande para enfrentar a equipe do Campinense, no estádio Amigão, pela quarta rodada da Competição.

 

Ambas equipes cientes que precisavam fazer um bom resultado para sonhar com uma possível classificação, de um lado o alvinegro querendo se manter em segundo lugar no grupo A07, do outro, a equipe raposeira querendo tomar o segundo lugar do Gigante.     

 

A torcida alvinegra foi até a Capital do Forró para apoiar o clube nesses mais de 90 minutos de atuação, afinal, sabemos o peso que jogar em casa tem.

 

No comecinho de primeiro tempo tivemos chances para abrir o placar, mas, seguimos no 0x0, sem muita empolgação. A equipe mandante se mostrou mais confiante e até um pouco mais superior em campo (talvez fosse o efeito Jaelson), já a visitante, se defendia quase que o tempo todo.

 

Alguns pontos são de fundamental importância citar: Dinda por favor, entenda que futebol é coletivo, não precisa ser tão fominha! Zaga? Por Jesus, acordaaaa e para de vacilar. Escanteio? Precisamos aproveitar nem que seja uma vez na vida... Por Cristo!

 

A Raposa foi a campo com 5 estreantes, mas, ainda não rolou muito entrosamento na equipe! Já Nêdo Xavier parecia estar contente, creio que o objetivo desse jogo era o empate mesmo, porque sinceramente, zero emoção até o momento.  

 

No finalzinho de jogo o juizão deu 6 minutos de acréscimos! Sim, 6 minutos para aumentar o sofrimento de ambas as equipes (que amargavam um sofrido 0x0) e o Fantasma achou de perder gols feitos, como de praxe.

 

Resumindo, o empate foi ruim, mas foi bom (risos), pois a situação do grupo A07 fica dramática, com a rodada de hoje a equipe do Jacuipense  praticamente carimbou a classificação, com 12 pontos, estando em primeiro lugar, sobrando mais uma vaga a ser duramente disputada por Campinense e ASA, pois o Vitória das Tabocas segue se afundando com um total de 0 pontos.

 

Semana que vem teremos mais um duelo fora de casa, dessa vez contra o Vitória das Tabocas e precisamos ir com tudo para firmarmos no segundo lugar e distanciar o Campinense de nós (que enfrentará o atual líder do grupo na quinta rodada).

 

Aos pouquinhos chegaremos lá, eu creio!

 

Por: Arielly Soares, torcedora do ASA GIGANTE