Goleada importante por 1x0 e rumo à Batatais

torcida3.jpg
Foto: Fernanda Martins

Se tem um coração que pulsa forte, é o do bugrino. Na noite desta segunda feira (17), precisando da vitória para continuar vivo na busca pela classificação, o Guarani enfrentou a equipe do Barretos. A tensão tomava conta de cada rosto que ali estava, era visível. Não queríamos e não merecíamos encerrar nosso campeonato naquele momento. Em dois anos seguidos, contra Velo Clube e o mesmo Barretos, no mesmo local, em nossa casa, perdíamos nossas chances de classificação. Portanto, só a vitória interessaria. Como bom apaixonado que é nosso torcedor, cerca de 5 mil bugrinos estiveram presentes nas arquibancadas geladas do Brinco de Ouro.

Assim como o Bugre, a equipe de Barretos necessitava também dos pontos, tornando o jogo acirrado. O Guarani tentava furar o bloqueio do Touro, mas parou duas vezes na trave, uma com Nazário e outra em cobrança de falta de Fumagalli. Nas outras oportunidades, o goleiro Wanderson Tigrão fechou o gol.   

Buscando dar velocidade à equipe, Vadão chamou Marcinho e Lorran de uma vez, mas antes disso, coube à Eliandro sair de sua posição dentro da área e lançar Nazário, que dominou, girou em cima do marcador e abriu o placar para o Bugre explodindo o tobogã. Guarani 1x0. A partir daí, o Guarani ainda teve algumas oportunidades, com Auremir e Eliandro, mas o resultado havia de ser mínimo, mas muito importante. Vadão ainda colocou Samudio no lugar de Nazário, que saiu muito aplaudido.

DSC_6004-e1492488049205.jpg

Foto: Divulgação/Guarani F.C

 

Ficha Técnica

Guarani 1 x 0 Barretos

Estádio Brinco de Ouro, em Campinas.

Arbitragem: Vinicius Golnçalves Dias, Herman Brumel Vani e Bruno Salgado Rizo

Gols: Bruno Nazário, aos 24’ do 2º T.

Cartões Amarelos: Genilson (GUA), Silvio (BAR)

Público e Renda: 5.206 – R$ 51.853,00

Guarani Futebol Clube: Leandro Santos; Bruno Souza, Genilson, Jussani e Denis Neves; Evandro, Auremir, Bruno Nazário (Braian Samudio), Fumagalli (Marcinho) e Uederson (Lorran); Eliandro. Técnico: Oswaldo Alvarez.

Barretos Esporte Clube: Wanderson; Valdir, Marcos Vinicius, Linno e Fred (Euzébio); Russo, Diego Araújo, Samuel (Marcelo Soares) e Marlon; Rafael Martins (Chuck) e Silvio. Técnico: Cléber Augusto.

 

“A gente sabia que ia se difícil, jogo truncado e brigado para caramba. Mas era importante vencer. A gente só dependia das nossas forças. Precisava da vitória para aumentar a confiança, entrar no G-4 novamente. Agora é jogo das nossas vidas no domingo e tentar essa vaga para a semifinal”, afirmou Fumagalli.

Como o capitão disse, domingo é o jogo da vida. Vamos à Batatais trazer os 3 pontos e a nossa classificação para o mata-mata. Sobre o jogo, ainda não há informações de valores de ingressos e nem sobre a mudança ou não de horário. Até o momento, a partida está marcada para o dia 23, às 16h, no Estádio Doutor Oswaldo Scatena.

Procure uma das caravanas e vamos invadir.

 

Um grande abraço à família bugrina. Nos vemos domingo.

 

 

 

Um sentimento que nunca acabará

Vamos Bugre, vamos que nós podemos!

 

Por Fernanda Martins.