GRE-NAL 409 FALTANDO GOLS E FUTEBOL, MAS SOBRANDO TENSÃO E FALTA DE BOM SENSO

(Imagem: Globo.com)

O primeiro Gre-Nal de 2016 foi muito esperado por nós colorados e pelos gremistas. Nunca é um jogo fácil, sabemos disso. Mas a verdade é que esperávamos ver, além de entradas duras e confusão, mais futebol e claro, GOLS. O placar, não podendo nem chamar de magro e sim de absurdo, encerrou o clássico na Arena do Grêmio, neste domingo, que destinava pontos ao Gauchão e Primeira Liga.

Embora o Grêmio fosse melhor em campo e tivesse conquistado um bom resultado na semana, os colorados não cogitaram uma derrota. Um empate seria aceitável pois pensamos que haveria bom futebol e gols de ambas as equipes. Mas ao contrário disso, o que vimos foram chances desperdiçadas, e poucos lances emocionantes em 90 minutos de partida. Lamentável demais.

Se já não bastasse a tensão instalada durante os 90 minutos de partida, um dos lances mais polêmicos do jogo teve a participação de Miller Bolaños, que fraturou a mandíbula após choque com William. O jogador colorado será denunciado por agressão a Bolaños e pode ser suspenso do Gauchão. Em entrevista, o jogador declarou que não teve a mínima intenção de agredir seu adversário:

"- Jamais tive a intenção de machucar o Bolaños. Quem me conhece sabe que sou um atleta leal. Foi um lance de disputa de bola na linha de fundo, tanto que não percebemos na hora a gravidade. Como disse ainda no gramado, ao fim do jogo, peço minhas mais sinceras desculpas a ele. Espero que sua recuperação seja breve e que ele possa estar o mais rápido possível em campo."

Sinceramente, como colorada fanática desde criança, estes Gre-Nais já estão ficando um pouco chatos. Acredito de coração que o jogador William não tenha atingido o jogador tricolor propositalmente, mas entendo a indignação gremista com o mesmo. Como torcedora seria tomada pelo mesmo sentimento. O que temos visto é que nas partidas restam as polêmicas, a rivalidade absoluta e uma expulsão aqui e ali. Porém queremos mais dos nossos representantes do Sul.

Os Gre-Nais precisam perder a sua grandeza e rivalidade? Certamente não. Afinal é um jogo atípico, lindo de ver. Porém cabe a todos nós, sejamos torcedores, imprensa e principalmente aos dirigentes do clube, terem bom senso. Utilizar palavras como criminoso e marginal, não ajudam em nada para mantermos esta histórica rivalidade pacífica e profissional.

O resultado deixa Inter e Grêmio iguais no Estadual e também na Primeira Liga. Pelo Gauchão, o Grêmio segue em terceiro com 16, e o Inter em quinto, com 15. Já pelo outro campeonato, o Inter garantiu classificação para as semifinais, no primeiro lugar, com cinco pontos. O Tricolor fica com a mesma pontuação, mas depende dos resultados dos demais jogos para passar de fase.

 

Luana Tirado.