GUERREIRAS GRENÁS NA BUSCA POR MAIS UM TÍTULO


 

Foto: Ferroviária Oficial

 

Depois de faturar o bicampeonato Brasileiro em cima do Corinthians, a Ferroviária deixa a festa de lado e põe foco total na Libertadores Feminina. A estreia será na sexta-feira (11), às 21h30, contra o Mundo Futuro da Bolívia.

Antes de mais nada vale lembrar o importante pedido de valorização do esporte feminino, feito pelas jogadoras logo após o título Brasileiro:

"Em matéria de salários e estrutura, na comparação financeira em geral, nós estamos muito longe do futebol masculino. Queremos uma melhoria substancial, porque, como eles, também trabalhamos, nos dedicamos e vivemos desse esporte”, afirmou a experiente lateral-esquerda Barrinha.

A equipe de Araraquara sabe do seu favoritismo na busca pelo bi-continental, mas mantém cautela. A treinadora Tatiele Silveira declarou:

"Crescemos muito neste final de Campeonato Brasileiro e que a gente possa fazer uma manutenção e acrescentar alguns detalhes que a competição necessita, pois é internacional e com certeza as dificuldades serão tão grandes como foram aqui".

Pensando no desgaste das atletas com a viagem e também nos efeitos da altitude equatoriana, a comissão técnica decidiu iniciar os treinamentos somente amanhã (10).

Foto: Reprodução da Internet

 

Na competição as brasileiras enfrentarão o Estudiantes de Caracas também às 21h30 e fecharão sua participação na primeira fase contra o Deportivo Cuenca, às 19h30 do dia 17 de outubro. No Brasil, o torneio não terá transmissão, assim a única maneira de acompanhar a Locomotiva é pelo streaming DANZ.

 

Por Mariana Alves