HORA DE FOCAR NO ESTADUAL

Depois de conquistar o primeiro troféu em 2021, o ASA agora vira a chave com foco no Estadual

 

 

Foto: @asameuamor


 

Neste domingo (21), o ASA recebe a equipe do Jaciobá pela primeira rodada do Campeonato Alagoano 2021. O duelo será no Fumeirão, às 16h.

Após conquistar o primeiro título do ano, o alvinegro voltou as atenções para o Estadual. Uma novidade para essa nova competição é a saída de Hildo, que estava no DM, e o retorno de Caique Goulart, mais conhecido por Caíque Baiano, que atuou no alvinegro em 2018.

A equipe se reapresentou na terça-feira (17), e seguiu durante os dias que antecederam a partida realizando treinos preventivos, além de treinamento físico-técnico.

Na sexta-feira (19), ao invés de realizarem treinamentos na parte da manhã, realizaram na parte da tarde, já que o duelo que seria no sábado foi alterado pela FAF para o domingo.

O que esperamos dessa competição é que a equipe alvinegra tenha foco, disposição e muita vontade de consertar os erros bobos vividos no campeonato anterior, afinal, o elenco segue o mesmo, o professor também, e não há mais desculpas para não se empenhar em conquistar o título (título esse que é tão sonhado e desejado pela torcida, que não sabe o que é ser campeão estadual há anos). 

Além do título, precisamos segurar a vaga para a Copa do Brasil, visto que no ano de 2020 o Fantasma bateu na trave quando disputou o terceiro lugar do Estadual, e ao ficar em quarto colocado, viu a equipe do Murici garantir a disputa da Copa.

Acredita-se que não haja nenhum desfalque, e apesar do mistério de sempre, o técnico Lorival pode manter a escalação que conta com Dida, Jonas, Martony, Ítalo e Marcelo; Zé Wilson, Dinda e Echeverría; Adaílson, Ciel e Edson Kapa.

A arbitragem ficará por conta do velho conhecido -polêmico- Francisco Carlos do Nascimento, vulgo Chicão, e terá como assistentes Ana Paula dos Santos e Widcir Santana de Oliveira. Já o quarto árbitro será Eder Gregori Viana.

 

Pra cima deles, ASA!

 

Por: Arielly Soares, colunista do ASA GIGANTE

 

*Esclarecemos que os textos trazidos nesta coluna, não refletem, necessariamente, a opinião do Portal Mulheres em Campo.