INFANTINO APRESENTA NOVAS PROPOSTAS PARA FUTEBOL FEMININO

 

Resultado de imagem para gianni infantino

Foto: Getty Images - FIFA

O presidente da Fundação Internacional de Futebol, Gianni Infantino concedeu entrevista coletiva de encerramento da Copa do Mundo de Futebol Feminino da FIFA França 2019, na tarde desta sexta (5). O destaque da conversa com os jornalistas foi o momento onde o dirigente apresentou cinco propostas que visam o desenvolvimento da modalidade no futuro. 

Ele fez questão de ressaltar seu total comprometimento na luta por melhorias no esporte, além de garantir que as apresentará pessoalmente ao conselho da entidade. São elas: 

1 - A criação de uma Copa do Mundo de Clubes da FIFA para mulheres: começando o mais cedo possível.

2 - A elaboração de uma Liga Mundial Feminina, proposta já apresentada em 2017, para ser disputada em torneios em todo o mundo.

3 - Expansão da Copa do Mundo Feminina da FIFA de 24 para 32 times, a partir da edição de 2023.

4 - Dobrar o prêmio em dinheiro para a próxima edição do mundial.

5 – Aumentar consideravelmente o investimento comprometido com a modalidade esportiva no próximo ciclo de quatro anos, de US $ 500 milhões para US $ 1 bilhão.

Para corroborar a intenção da FIFA em promover melhorias dentro da estrutura que cerceia o futebol feminino, tanto na Europa como em todos os continentes, e colocar o esporte no patamar devido, ele afirmou que o cuidado com as futuras gerações é imprescindível. 

“Precisamos fazer o melhor e muito mais para acabar com certas lacunas que ainda são visíveis. Queremos canalizar parte deste investimento para as bases do jogo em todo o mundo. Precisamos investir em regiões onde o futebol feminino ainda não atrai a atenção das atletas, até pela falta de estrutura, e melhorar as condições onde o jogo feminino já existe”, destacou. 

Resultado de imagem para gianni infantino em estádio para jogo do mundial feminino frança 2019

Gianni Infantino nas arquibancadas em um jogo do torneio

Foto: Getty Images - FIFA

O dirigente teceu inúmeros elogios ao mundial da França, além de frisar a importância da participação do público que lotou os estádios em todas as fases da competição. 

“Esta Copa do Mundo na França tem sido fenomenal, emocionante, apaixonada, fantástica. A melhor de todos os tempos. Algo extraordinário aconteceu aqui e tudo graças ao povo francês e aos visitantes que fizeram questão de estar aqui e prestigiar suas seleções. É por isso que haverá um antes e depois da Copa do Mundo Feminina de 2019”, avaliou. 

Infantino afirmou que a união destas pessoas das mais diversas regiões de todo o mundo, raças, credos enriqueceu o espetáculo. 

“Muitas pessoas ao redor do mundo se conectaram pela primeira vez para assistir a uma partida de futebol feminino e viram que é futebol. Temos atletas jogando com habilidades físicas, técnicas e táticas absurdas. Que outro evento, além da Copa do Mundo masculina, tem essa capacidade de unir um bilhão de pessoas em plena harmonia?”, elucidou. 

Sobre o uso de VAR, pela primeira vez na competição, ele considerou um sucesso e agradeceu pelo afinco de todos os profissionais responsáveis. 

“Gostaria de parabenizar Pierluigi Collina e toda sua equipe, porque não foi fácil aceitar essa aposta. Estou muito feliz pelo êxito alcançado. As coisas só vão melhorar porque o VAR está aqui para ficar. Aqueles que não estão totalmente convencidos estarão no devido tempo”, comentou. 

 

Por Carla Andrade