JÁ QUE ESTAMOS NO HALLOWEEN, QUE TAL UMA DEMONSTRAÇÃO DE SHOWS DE TERROR, PORQUE TIVEMOS!

Foto-César Greco 

 

Nesta quarta-feira, 06 de novembro, o Verdão foi a São Januário, enfrentar o Vasco, jogo válido pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro.

 

O jogo 

Primeiro tempo

O Verdão começou bem, mais ofensivo, indo para cima, jogando um pouco melhor que o Vasco. No decorrer do primeiro tempo o jogo foi ficando equilibrado em São Januário. Aos 11 minutos, Lucas Lima, isso mesmo, ninguém tá doido não, o moço que fazia mais de um ano sem marcar um golzinho, foi lá e fez, finalizou com o pé direito no centro do gol e marcou 1x0 para o Porco. 

O gol saiu num lance de toques rápidos para o ataque, Matheus Fernandes estreante que começou como titular por escolha do Mano, que resolveu poupar metade do time (sem necessidade), achou Lucas Lima que bateu duas vezes, coitado, tentou duas vezes para balançar a rede, (risos). Mas o Palmeiras resolveu recuar e começaram a surgir as dificuldades para sair e viram o Vasco crescer e empatar, o pior de tudo que foi gol contra de Mayke que vinha jogando muito bem, titular no jogo passado por uma atuação brilhante e ontem deu azar, com isso após cruzamento de Rossi, Mayke empatou para o time  do professor Luxa.

Sem nenhuma chances claras para ambas as equipes, terminou o primeiro tempo com um jogo cheio de faltas, sem criatividades e tecnicamente fraco, um primeiro tempo marcado por erros dos dois lados, mas em um vacilo na saída de bola, o zagueiro Luan foi desarmado por Guarin. Livre, o colombiano avançou com a bola dominada, mas parou na saída do veterano goleiro Fernando Prass (graças a Deus estamos bem de goleiros).


 

Primeiro gol do meio-campista Lucas Lima, após um ano sem marcar. Foto-César Greco 

Segundo tempo

Já começamos o segundo tempo sem o Deyverson, e por incrível que pareça jogou bem no primeiro tempo e se podemos falar em destaque, daremos para ele.

Nosso atacante Luiz Adriano, que voltou de uma lesão e estava a disposição do nosso técnico Mano, entrou e precisou de 32 minutos para ampliar o placar e fazer 2x1 para o Verdão. 

Na metade do segundo tempo, já com Dudu no lugar de Willian, o Palmeiras chegou perto do segundo gol. Zé Rafael carregou da esquerda para o meio e acertou a trave de Fernando. No rebote, Luiz Adriano tocou pela linha de fundo, com muito perigo, que atacante maravilhoso, temos. Pelo menos uma contratação a altura do Verdão o Alexandre Mattos fez. 

Seguimos até o segundo gol, o gol da vitória aos 32 minutos, quando Luiz Adriano ganhou a disputa com Danilo Barcelos, limpou a marcação e definiu na saída de Fernando Miguel. O final da partida foi tumultuado pela arbitragem confusa de Rafael Traci, que expulsou o zagueiro Leandro Castan por reclamação. 

 

Cheira a gol, jogador diferenciado, Luiz Adriano marca pós lesão. Foto-César Greco 

 

Podemos falar que esse segundo tempo foi horrível, péssimo em todos os sentidos, tecnicamente, arbitragem medíocre, jogo pobre coletivamente, gramado (sem comentários), resumindo esse jogo em um show de horror, nós torcedores não merecemos passar por isso.

Analisando pelo time que entrou em campo, e por todos os fatores que citei acima, o Palmeiras conquistou uma vitória muito importante, sabemos que em pontos corridos, 3 pontinhos ajuda bastante. Agora esperamos que no Dérbi, deste sábado, os jogadores que ficaram em São Paulo descansando vão voar ou pipocar em mais um clássico. 

Nada contra a poupar jogadores para um jogo mais importante que é o Dérbi, mas se caso não ganhar? Vale mesmo ter que poupar enquanto o líder está em duas competições e a escalação é a mesma.

Fica o questionamento para esses jogadores da Sociedade Esportiva Palmeiras. 

 

Para finalizar 

Depois de um jogo trágico, polêmico, algo muito útil, como sempre, as duas torcidas nas arquibancadas como já é normal nas partidas entre Palmeiras e Vasco, as torcidas irmãs conviveram em perfeita harmonia antes, durante e depois da partida. Os torcedores confraternizaram no entorno do São Januário, tiraram fotos e fizeram até bandeirões com símbolos das duas equipes. 

Isso é incrível. 

 

#uniãosinistra #vasco #Palmeiras 

#brasileirão2019 

 

Por: Alba Angélica