Joguem pelo INTER

 

 

 

Nesta terça-feira (20), o Internacional entra em campo contra o Paraná, às 21:30h, pela 9a rodada da série B do Campeonato Brasileiro, no Gigante da Beira-Rio, e tem a obrigação de conquistar os 3 pontos.

 

No dia mais frio do ano no estado, o colorado entra em campo com a obrigação de vencer. Diante da sua torcida, a equipe de Guto Ferreira tenta encontrar o caminho da ponta de cima da tabela, e conquistar a tão cobiçada estabilidade. Está certo que, quando o assunto é futebol, isso não existe, mas com a maior folha salarial da competição, o time tem a obrigação de mostrar um bom futebol, e honrar a camisa que veste.

 

D'alessandro treina com o time após cumprir suspensão (Foto: Arquivo Inter)

 

Até o momento, o Inter somou apenas 55,5% dos pontos disputados dentro do Gigante na Série B, com apenas uma vitória, sobre o Náutico, e dois empates, contra o ABC, logo na estreia, e contra o Juventude, no primeiro jogo do novo comandante. Aliás, os números absolutos da temporada dentro de casa não agradam. São 17 jogos como mandante, sendo apenas 10 vitórias, cinco empates e duas derrotas.

 

Hoje, ainda sem uma das principais peças de defesa, nosso zagueiro Victor Cuesta, que se recupera de lesão, o Colorado se resguarda de cuidados com o setor, para evitar sofrer gols dentro de casa, e leva o empate em 0 a 0 com o Santa Cruz como inspiração. No Arruda, a equipe saiu sem ser vazada pela primeira vez após oito jogos.  Ainda, tendo em vista o desgaste da sequência de jogos, o comandante optou por deixar Edenílson fora da partida. Assim, a tendência é de que Junio seja o lateral-direito, com os retornos de Fabinho e D'Alessandro ao meio-campo.

 

 

Pra piorar, Guto teve apenas um treinamento após o retorno à Porto Alegre, que foi nesta segunda-feira. E esse é um dos problemas mais sérios da equipe: a falta de treinamento, e um péssimo preparo físico. A torcida está cansada de ver jogadores na casa dos vinte anos que não aguentam 90 minutos em campo, e quando saem do Beira-Rio começam a bater um bolão. O colorado precisa de menos folga e mais trabalho.

 

Hoje é dia de guerra, cada jogo é uma batalha para sairmos dessa tão amarga série B, e colocar o nosso gigante novamente no topo do mundo. O povo fez o Inter, e a torcida quer ver um bom futebol. Já chega de aplaudir essas partidas de várzea, com vitória nos pênaltis, com 30 chutes desperdiçados, com jogadores sem comprometimento. Joguem pela torcida, joguem pela camisa, joguem pelo INTER.

 

 

DETALHES DA PARTIDA:

 

Local: Gigante da Beira-Rio.

 

Data e hora: Terça-feira (20/06), às 21:30.

 

Provável escalação do Inter: Danilo Fernandes, Junio, Danilo Silva, Léo Ortiz (Klaus), Carlinhos (Uendel), Rodrigo Dourado, Fabinho, Uendel (Eduardo Sasha), D'Alessandro, Marcelo Cirino e Nico López.

 

Desfalques do Inter: Keiller, Alemão, Víctor Cuesta, Ernando, Edenílson, Felipe Gutiérrez, William Pottker e Carlos.

 

Arbitragem: Eduardo Tomaz de Aquino Valadão (GO), auxiliado por Cristhian Passos Sorence e Edson Antonio de Sousa.

 

 

 

#NadaVaiNosSeparar,

 

Por: Melina Bölner.