Mais respeito, por favor!

 

 

Hoje uma amiga postou um vídeo na minha timeline, sobre algumas diversas situações vividas no mundo do futebol. Um vídeo que sem sombra de dúvidas me fez refletir sobre toda essa nossa paixão.

O futebol – O futebol pra mim é mais que um esporte. É um amor, é uma vivência, é um descarrego, é amizade, é convivência. São risos, são lágrimas de alegrias, lágrimas de tristeza, lágrimas de desespero.

Futebol é deixar a família em casa naquele dia das mães, é trocar o casamento do irmão pra assistir aquela semifinal. É deixar o marido com os filhos pra descarregar o estresse do trabalho e dos afazeres de casa. É tomar aquela cerveja e discutir com os amigos na mesa do bar, arrumar confusão com os tios que não torcem pro mesmo time que você. É aguentar zuação quando seu time perde e não poder responder nada.

É obrigar seus filhos a usarem as camisas e passar horas cantando as músicas pra que as primeiras palavras sejam o nome do seu time do coração. É não dormir na véspera de um derbi, esperar aquela viagem que você organizou no começo do ano e que será só em dezembro. É trocar qualquer cinema, show, teatro, marido, esposa, namorados, por 90 minutos as 22h de uma quarta-feira.

uolesportes.com

É economizar nas contas de casa pra ser um sócio torcedor ou ter um Premiere Fc. É deixar a novela ou o jantar de lado, chegar em casa do trabalho correndo pro jogo das 19h. É tomar sol na cabeça com o jogo das 11h ou morrer com a ressaca do pré-jogo no das 16h

Futebol é isso, cada um com suas histórias pra contar. É amar sem limites, é paixão, é sentir o sangue queimar de amor, de orgulho, de raiva. É sentir borboletas no estômago a cada apito inicial e esperar pelo apito final nem que seja com um simples 1 x 0.

Repeite esse nosso estado de espírito!!!

 

Aline Zancheta