MAIS UM PASSO RUMO AO BICAMPEONATO DA COPA DO NORDESTE

Santa Cruz eliminou o Itabaiana ontem (1) no Arruda e garantiu vaga na semifinal do Nordestão

 

Alexandre Gondim / JC imagens.

Com o apoio da torcida, a garra da equipe e o talento de Anderson Salles, o Santa Cruz venceu o Itabaiana por 1 x 0 e fincou a bandeira coral na vaga para a próxima fase da Copa do Nordeste.

O Mais Querido entrou em campo com uma única mudança quanto à última escalação. O meio-campista David sentiu um desconforto abdominal e Wellington Cézar entrou em seu lugar.

 

PRIMEIRO TEMPO

 

O Santa Cruz começou avançando, dominou o primeiro tempo. Com as melhores chances, ameaçou a zaga adversária em diversas oportunidades.

Após a explosão inicial, o Itabaiana conseguiu boas chances. Meteram uma na trave, numa bola cabeceada aos 27 minutos. Mas após alguma rasas chances, o dominou voltou ao mandante.

Apesar do domínio, o placar sem gols se manteve até o apito para o intervalo.

 

SEGUNDO TEMPO

 

Na volta para a segunda etapa, Éverton Santos saiu para a entrada de André Luís.

O Terror do Nordeste voltou do intervalo querendo o gol que não conseguiu no primeiro tempo e, como o apoio da torcida, seguia incansavelmente ao ataque.

Mais mudanças: saiu Pereira, entrou William Barbio. E aos 24 minutos, Pitbull partiu com velocidade e foi derrubado perto da grande área do adversário. O árbitro sinalizou a falta, e a torcida coral comemorou quase como um pênalti. Quem mais iria para a cobrança daquela falta perigosa se não o nosso zagueiro goleador Anderson Salles? Cobrança perfeita! GOL DO SANTA CRUZ!

 

Alexandre Gondim / JC imagens.

 

O goleiro da equipe sergipana, mais uma vez, virou figurante diante do inquestionável protagonismo de Anderson Salles.

Depois do gol, a equipe coral defendeu a vantagem mas sem abrir mão de atacar. Ainda tivemos outra cobrança de falta, mas dessa vez nosso zagueiro matador não conseguiu reverter, a bola passou raspando na trave.

Última mudança no Santa: saiu Halef Pitbull para a entrada do argentino Facundo Parra. E a torcida coral se dividiu entre aplausos e latidos em alusão ao apelido do xodó da torcida.

 

Antes do apito final, William Barbio ainda teve a chance de ampliar, mas desperdiçou.

 

DA IMPORTÂNCIA DO APOIO DA TORCIDA

 

O comandante Vinícius Eutrópio convocou a massa coral. As mídias sociais do clube divulgaram incessantemente, tinha promoção, e o técnico Aílton Silva declarou que "iam calar a p**** do Arruda" num vídeo divulgado pelo próprio Itabaiana. Esse caldeirão de informações, somados ao fato do jogo ser decisivo num bom horário, atiçou a torcida a fazer uma bela festa com o maior público da temporada.

 

Foto: CoralNet.

 

Foram mais de vinte mil vozes apoiando e empurrando o time para a classificação. Fico na expectativa que o bom público e a classificação sirvam como alavanca para trazer o torcedor de volta ao mundão do Arruda.

 

O adversário do Santa na semifinal, será decidido hoje na partida de logo menos entre Sport e Campinense.


 

AVANTE SANTA!

Por Amara Lima