Mais uma vez faltou futebol...

Imagem: Félix Zucco - Agencia RBS / site clicrbs

Do jeito que está realmente não tem como continuar, ou vai acabar sobrando para alguém... Argel, equipe colorada e nós, torcedores, esperávamos um resultado diferente do que tivemos neste domingo (14).

Novamente, como já venho escrevendo em pós-jogos anteriores, sobrou lentidão, erros de passes e falta de jogadas. O treinador terá que encontrar com urgência um caminho para, de vez, engrenar nessa temporada. Embora os pontos e a classificação no Campeonato Gaúcho sejam favoráveis, continua faltando futebol ao Internacional.

O técnico Argel vem sendo constantemente questionado em entrevistas e apresentando números que lhe dão um certo respaldo. Porém, o que incomoda a torcida é o desempenho do Inter, que a cada partida parece estar menos entrosado e fraquíssimo em desempenho. O que, por consequência, deixa o torcedor cada vez mais assustado com o que vem pela frente.

A torcida colorada já vem de temporadas passadas cansado com a história de “poupar jogadores”. E mais uma vez isso vem se repetindo na liderança de Argel, embora o técnico afirme que sua intenção não é poupar jogadores e sim prospectar novos em busca do Inter ideal.

O trabalho de prospecção do técnico vem sendo desenvolvido com Anderson e Ferrareis, integrantes da equipe que o treinador afirma que irá investir fortemente.

O empate com toda certeza não estava nos planos. Argel comentou que a equipe se perdeu com a vantagem que tinha sobre o Aimoré, após abrir o placar e não soube controlar o jogo, fazendo com que a tal vantagem Colorada durasse 5 minutos.

Com o resultado, o Inter soma oito pontos e ocupa a quarta posição no Campeonato Gaúcho. Durante a semana, volta a se concentrar na Primeira Liga para o jogo de quarta-feira (17), às 19h30 (de Brasília), enfrentando o Avaí, também em Porto Alegre. Na próxima rodada, recebe o Cruzeiro pelo Campeonato Gaúcho, partida marcada para às 17h (de Brasília) de sábado (20).

 

Luana Tirado