MAJESTOSO É NOSSA CASA, CONSTRUÍDO COM NOSSAS MÃOS!!

Hoje, dia 12 de Setembro, nosso amado Majestoso completa 71 anos de muitas partidas históricas.

O Estádio Moisés Lucarelli, é um dos poucos estádios do País que foi construído pelas mãos de seus próprios torcedores e carrega o nome em homenagem a Moyses Lucarelli, sócio do clube por muitos anos e um dos idealizadores na construção. 

Foto: Site Oficial Ponte Preta

Nome – Estádio Moisés Lucarelli 

Apelidado como "Majestoso", porque sua capacidade quando da inauguração em 1948 era na época a terceira maior do Brasil, perdendo apenas para o Pacaembu, em São Paulo e São Januário, no Rio de Janeiro.

Capacidade total – 17.728 pessoas

Data de Construção – 1974

Data de Inauguração – 12 de Setembro de 1948 com a partida entre Ponte Preta e XV de Piracicaba

Público Recorde – 37.274 pessoas 

 

Confira algumas partidas memoráveis

 

  • Ponte 5 x 1 Taubaté - A primeira vitória

O primeiro triunfo da "Macaca" no Majestoso aconteceu em 24 de Outubro de 1948, em partida contra o E.C. Taubaté, onde a Ponte goleou o visitante por 5 a 1, com gols de Gaspar (3), Armandinho e Vicente.

  • Ponte 2 x 0 Estudiantes - A primeira vitória internacional

A primeira vitória contra um time estrangeiro aconteceu frente ao Estudiantes, um grande e respeitado clube da Argentina, em um jogo amistoso no dia 17 de fevereiro de 1952.

  • Ponte 2 x 1 Guarani - Campeonato Paulista de 79

Em 1980, Ponte e Guarani decidiriam vaga para final do Campeonato Paulista do ano anterior. Com trinta mil ponte-pretanos no Majestoso, a Macaca venceu a partida de ida por 2 a 1. No jogo de volta, nova vitória da Ponte, por 1 a 0, com direito a invasão de gramado por parte da torcida da Ponte. A Macaca iria para a sua terceira final de Paulista, enquanto o rival teria que esperar mais 7 anos para chegar a uma final estadual, pela primeira vez.

  • Ponte 1 x 1 Náutico - O retorno à elite nacional

Vice-campeã do Campeonato Brasileiro Série B, a Ponte voltaria à elite depois de 11 temporadas, após um empate com o Náutico por 1 a 1, com um público de 21.070 pessoas no Majestoso. O acesso se tornou a volta por cima do clube, depois de 10 anos de uma grande crise financeira e temporadas irregulares dentro de campo.

 

Por Li Zancheta