MENINOS DO NINHO: 1 ANO DA TRAGÉDIA

8 de Fevereiro de 2020. 

 

Uma data que para poucos que não acompanham o futebol é insignificante, mas para outros, em especial para as famílias que perderam seus filhos/entes queridos, é a data de uma dor. Não é "dor" que toma um remédio e passa, mas sim uma dor que vira lembrança de cada dia 08 que passa, saber que é mais um mês que se inicia e a saudade que a cada dia aumenta. 

 

 

Fonte: Site Flamengo

 

 

Os torcedores Rubro-Negros e o Brasil se lembrarão para sempre deste dia 08. Há um ano, o Brasil presenciou uma das maiores tragédias envolvendo o mundo do futebol: Um incêndio no Ninho do Urubu que causou a morte de dez jovens atletas das categorias de base do Flamengo.

Desde o ocorrido e até o momento, somente três famílias acertaram indenizações com o clube, enquanto outras ainda brigam pelos valores que consideram justos. 

A morte dos garotos foi uma das páginas mais aterrorizantes da história do Futebol Brasileiro, não somente do Flamengo.

Óbvio que nenhum título compensará a dor. Mas claro, a cada título que é conquistado, os meninos serão para sempre lembrados.

 

"...Essa Nação jamais vai esquecer, o Flamengo vai jogar para sempre por vocês..."

 

 

Fonte: Reprodução da internet

 

 

 

Muitas famílias e torcedores cobram um ponto final nisso, Rubro-Negros especialmente. Uma contratação certamente não os deixaria tão satisfeitos quanto fazer um acordo com cada família em que ainda não foram feitas as indenizações. 

Um ano depois, o incêndio do Ninho do Urubu é uma tragédia que jamais cicatrizará. 

Ela também mostra o quão desprezível o ser humano consegue ser. E como dinheiro parece valer mais do que a vida. Não exatamente para quem não paga, mas também para os que usam as mortes dos garotos para atacar quem não é responsável pela tragédia.

Torço para que os familiares e amigos encontrem a paz na lembrança dos momentos bons em que viveram com os Meninos que se foram.

E que um dia os "antis" que usam esse acidente para atingir o Clube ou torcedores, possam entender o real significado de Empatia e da dor de uma perda de meninos tão jovens que tinham os seus sonhos a serem trilhados. 

Atualmente, o Conselho deliberativo do Flamengo tem um projeto para transformar a data no "Dia da Memória Rubro-Negra", em homenagem as vítimas do incêndio. Enquanto isso, judicialmente o clube garante buscar acordo com as famílias.

 

 

"... São 10 estrelas a brilhar no céu do meu Mengão..."

#NOSSOS10

#PARASEMPREPORVOCÊS

 

 

 

Por: Rhayanne Athyrssa.

 

*Esclarecemos que os textos trazidos nesta coluna, não refletem, necessariamente, a opinião do Blog Mulheres em Campo.