MEU PRIMEIRO DERBY, MEU PRIMEIRO "CAGAÇO" E A CERTEZA DE QUE MEU CORAÇÃO É PRETO E BRANCO.

 

Entrei em um grupo da Macaca hoje, e vi uma foto que alguém postou sobre o Derby de 2006. Quantas lembranças essa foto me trouxe... como esquecer que esse foi meu primeiro Derby?

 

Foto: Reprodução

 

O dia 05 de fevereiro de 2006, no Moisés Lucarelli

 

Me lembro como se fosse hoje meu pai dizendo "Se a Ponte ganhar o jogo anterior, eu levo você e o Alexandre no Derby do final de semana". Como eu torci, como eu queria aquela vitória. Seria meu primeiro derby!

Mas como de costume, tudo com a torcida da Macaca é sofrido e a Ponte empatou. Me restava torcer e pedir pra que Deus tocasse o coração do Seu Celio. Me lembro dele saindo na hora do almoço e dizendo "Estou indo buscar o meu ingresso".. a lágrima escorreu e não seria dessa vez.

Mas aos 45 do segundo tempo o cara mais incrível do mundo não nos decepcionou: “Vamos no Derby no próximo final de semana!”.

O dia chegou, o coração a mil! Minha mãe que não nos deixava usar a camisa com medo de que pudéssemos apanhar. Nada disso me importava, eu estava lá!

Um misto de amor, medo e pânico tomaram conta do meu coração. O sol raiava e sentamos atrás do gol de entrada do majestoso.

Com um minuto de jogo o rival abriu o placar. Eles ainda comemoravam o primeiro é já veio o segundo. Naquele exato momento abracei meu pai e pedi pra ir embora, não era possível que Deus estava fazendo aquilo comigo. Era meu primeiro Derby... Meu pai repetiu no minuto seguinte que não sairia dali. Que bom, pai! Por que aos 5 minutos ainda do primeiro tempo Elson não desperdiçou e marcou de pênalti pra Macaca, que ainda marcou o segundo com Fernando Baiano aos 25 do primeiro tempo.

O jogo terminou empatado, 2 x 2.

Quantos derbys vieram depois desse!? Quantas emoções eu passei no majestoso e no GFC.

Hoje meu ex-rival disputa a A2 do paulista e a vai disputar a série B do brasileiro. Não sei se um dia meus filhos terão essa emoção, mas eu vi e vivi muitas glórias ali.. histórias pra contar eu terei, e muitas.

 

Por Li Zancheta - Macaca de nascença, preto e branco é minha cor!

29 anos (quase 30), XITA e alvinegra de coração! Salve Ponte Preta, TJP, SerPonte e Ponterror. Salve, salve nação da Maior do Interior!