Muita calma nessa hora!

 

Com muitas alterações, o Paraná Clube entrou em campo ontem (27), para encarar a equipe do Juventude pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro Série B, em um gramado com péssimas condições de jogo.

 

Imagem: Globo Esporte

O Tricolor pressionou desde o início e aos 4 minutos já teve sua primeira chance real de gol, quando Assis acertou a trave, a bola sobrou para Matheus Carvalho que bateu, o goleiro defendeu e Robson cabeceou rente à trave. E ele ainda teve outra chance de finalizar aos 12 minutos, mas a bola foi para fora. Superior na primeira etapa, o Paraná não permitiu que o Juventude chegasse a meta do goleiro Marcos, e o primeiro tempo da partida acabou em 0x0.

Na volta do intervalo o Juventude se mostrou mais ofensivo, apoiado por sua torcida buscava o resultado em seus domínios. Aos 8 minutos, em cobrança de falta, Leílson acertou a trave. Em imediata reação Tricolor, aos 12, Felipe Alves abriu o placar.  

Os donos da casa só tiveram oportunidades em bolas paradas, o que foi suficiente para buscar o empate 4 minutos depois do nosso gol. Em cobrança de falta, Assis tentou cortar e mandou a bola para o fundo das redes do goleiro Marcos. Tudo igual no Alfredo Jaconi!

Com as substituições feitas por ambos os técnicos, o jogo ficou mais equilibrado e as duas equipes estiveram perto de desempatar, mas os goleiros intervieram com boas defesas. O jogo parecia estar encerrado, mas aos 47 minutos, em cobrança de escanteio, o atacante do Juventude conseguiu o gol da vitória. Não havia tempo para mais nada e o Tricolor conheceu sua primeira derrota neste longo campeonato.

Com o resultado, o Tricolor é o oitavo colocado na tabela, com 5 pontos conquistados, enquanto o líder tem 7 e o último colocado ainda não pontuou.

 

Pós jogo

 

Não há como negar que as alterações foram sentidas pelo Tricolor, os titulares fizeram muita falta. O estado do gramado dificultou as condições de jogo, principalmente por termos uma equipe técnica. Precisamos treinar urgentemente a defesa para estas bolas paradas e o ataque vai ter que parar de perder gol imperdível! Porém, o campeonato está começando, ainda estamos em fase de entrosamento e adaptação e logo todas as peças serão encaixadas. Temos um bom elenco e nosso técnico vem mostrando qualidade à beira do gramado. Entendo e concordo que levar gol, de virada, nos acréscimos, é para acabar com o final de semana de qualquer um, mas não há motivo para desespero, estamos disputando 3 competições e jogos ruins irão acontecer. Não podemos esquecer que o nosso foco é o acesso à Série A. Continue apoiando, juntos somos mais fortes!

 

Pelo Brasileiro

 

Com a antecipação do jogo da quarta rodada, o Paraná Clube só voltará a campo pelo Brasileirão em 06 de junho para enfrentar a equipe do Londrina, no Estádio do Café.

 

Pela Copa do Brasil

 

 

Sem tempo para lamentar o resultado, o Tricolor concentra novamente as atenções no Atlético MG. O Paraná vai a Belo Horizonte enfrentar a equipe do Galo pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil, que será realizado na próxima quarta-feira (31), às 21:45, no estádio Independência.

Após derrotar o Atlético por 3x2 em Curitiba, o Paraná Clube tem a vantagem do empate para avançar às quartas de final dentro da competição.

É decisão, torcedor! Prepare a sua camisa da sorte, acenda sua velinha, faça sua promessa!

Esteja junto com o Tricolor, mandando aquela vibração positiva. O Paraná precisa de você!

 

SemPRe Tricolor, Itauana Morgenstern.