Na luta para super na tabela

 

O São Paulo enfrenta o Atlético-PR neste sábado (09), às 16hr de Brasília pela 11ª rodada do Brasileirão. O time comandado por Aguirre que vai voltar a contar com Nenê, tenta sua primeira vitória na Arena da Baixada.

 

(Foto: Rubens Chiri - saopaulofc)

 

O Tricolor entra em campo ocupando o 6ª lugar na competição com 17 pontos, e já o furacão em 10 rodadas somou apenas 9 pontos e amarga a 17ª posição no campeonato.

 

Quatro retornos

 

Além de Nenê, Bruno Alves, Hudson e Morato voltam a ficar à disposição do técnico são-paulino que deve ter mais tranquilidade para escalar a equipe.

 

Como de costume os ajustes finais foram feitos em treino fechado para não revelavam o time que entrará em campo.

 

Uma provável escalação conta com Sidão; Militão, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Jucilei, Petros, Nenê e Lucas Fernandes; Everton e Diego Souza

 

A arbitragem da partida será de  Anderson Daronco auxiliado por Elio Nepomuceno de Andrade Junior e Jorge Eduardo Bernardi, todos do Rio Grande do Sul



 

Está cada dia mais difícil acompanhar futebol.

 

O vexame deste campeonato sem dúvida tem sido o Ministério Público e a Polícia Militar do Paraná que simplesmente proibiram a torcida do time visitante de ir até a Arena da Baixada.

 

Todo jogo no estádio tem sido assim, com torcida única dos donos da casa, é aquela velha história, para que aplicar as leis, treinar o policiamento, garantir a segurança de todos, se pode simplesmente proibir o torcedor de ir ao estádio.

É mais fácil assinar um atestado de incompetência do que capacitar profissionais para exercerem suas funções.

Com toda certeza o São Paulo nem nenhum outro time grande vai retribuir a “gentileza” aos torcedores do Atlético que não tem culpa de nada.

Provavelmente além de ter seus lugares e segurança garantidos no Morumbi ainda pagaram entre 15 e 30 reais no ingresso, afinal pelo menos dessa doença a diretoria do São Paulo não sofre, o futebol pertence ao povo!

 

Por Jéssica Gonçalves