Novo Técnico = Novos Desafios

 

Na última quarta-feira foi anunciado o Claudinei Oliveira, para o Comando do SPORT, após a saída inesperada de Nelsinho Baptista. O novo técnico falou pela primeira vez como comandante rubro-negro, agradeceu o convite e exaltou a força da camisa e a torcida rubro-negra. Claudinei encara a vinda para o clube como uma excelente oportunidade e como conhece boa parte do time, sentiu-se realizado ao defender o Leão, já diante do time do Paraná.

 

(Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife)

 

Sei da força do Sport dentro de casa, onde enfrentei ano passado e, mesmo saindo com a vitória, foi um jogo muito difícil. Se o time tiver correspondendo, sei que o torcedor vai nos ajudar e nos empurrar até o final”, pontuou Claudinei.

O Início da Era Claudinei Oliveira começa neste domingo 29, diante do time do Paraná, no estádio Vila Capanema, pela terceira rodada no Brasileirão. Diante de pouco tempo de treinamento (3 treinos), o técnico de 48 anos sinalizou que vai manter a base do time que empatou  com o Botafogo pelo placar de 1x1, com exceção do Gabriel que encontra-se no departamento médico.

 

(Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife)

 

Autor do primeiro gol rubro negro, Everton Felipe encara cada partida como se fosse uma final. Após a partida contra o Botafogo, o meia já pensa na partida seguinte do leão na série A. Tanto Everton como Claudinei Oliveira torcem juntos para que o time desempenhe um ótimo trabalho. O meia dá destaque a importância de somar pontos neste campeonato:

Todos os jogos do Brasileiro são muito importantes. Cada jogo que vamos jogar temos que botar na cabeça que é uma final, que precisamos fazer tudo para sair com três pontos. Temos que trabalhar com aquilo que tem, chegar lá em Curitiba e fazer um bom jogo contra o Paraná. Isso de que eles perderam dois jogos não pode entrar no nosso grupo, não poder ser isca, porque todo mundo sabe como é o futebol. No Brasileiro, duas partidas ruins levam você lá para baixo. Ganhou, está lá em cima”, disse.

 

(Foto: Anderson Freire/ Sport Club do Recife)

 

Retrospecto de Claudinei Oliveira como treinador (efetivo) - Créditos: Jonathan Tutim - @jonathantutim

- 6 clubes (Santos, Goiás, Paraná, Atlético-PR, Vitória e Avaí)

- 244 jogos

- 104 vitórias

- 69 empates

- 71 derrotas

- 0 títulos

 

Aproveitamento: 52%

 

Santos - 41J, 17V, 12E E 12D (51%)

Goiás - 19J, 11V, 6E e 2D (68%)

Paraná - 46J, 18V, 13E e 15D (39%)

Atlético-PR - 24J, 9V, 4E e 11D (43%)

Vitória - 12J, 5V, 5E e 2D (55%)

Avaí - 102J, 44V, 29E e 29D (53%)

 

Possível Escalação do SPORT: Maílson, Raul Prata, Ronaldo Alves, Hernando, Sander, Anselmo, Neto Moura, Fellipe Bastos, Marlone, Rogério e Andrigo.

 

Possível Escalação do Paraná Club: Luis Carlos; Alemão, Jesiel, Rayan e Mansur; Jhonny Lucas, Wesley Dias e Caio Henrique; Raphael Alemão, Silvinho e Carlos.

 

Por Nathalia Susana