O Renascimento Palestrino

 

Esperamos por anos, nutrindo o desejo de novamente mostrar “quem de fato é Campeão”, e de forma brilhante, recolocamos o nome do Palestra,  onde nunca deveria ter saído!


 

Foto: Reprodução Internet

 

É impossível falar desse Campeonato de 2016, sem mencionar o que aconteceu a alguns anos atrás.. 22 anos para ser mais exata. Ver seu time perder, tropeçar, cair, levantar, cair, levantar...

Perder jogos que ficaram pra história com goleadas inacreditáveis, sair da liderança de um campeonato e chegar ao Z4 do mesmo, não ganhar o campeonato do ano seguinte, mas levantar uma taça no próximo, erguendo-se e mostrando seu verdadeiro valor, mostrando que o Maior do Brasil, renasce a cada lance, a cada chute, e se torna realidade!

Chegar desacreditado no campeonato e ouvir: ''Vão continuar tentando", "Lembro de 2009"... Ganhar o primeiro jogo com goleada, e mesmo assim continuar a ouvir tudo que infelizmente vínhamos ouvindo a anos.

Sempre que o Verdão empolgava, ou nos “iludia”,  onde até nós mesmos, que somos Palmeirenses, pensávamos: ''Não, o Palmeiras não vai me iludir mais uma vez", mas sempre com aquele pensamento a cada ponto ganho, "agora vai" "o campeonato é nosso", porque amar o Palmeiras é isso, altos e baixos, vitórias e derrotas….

E por falar em derrotas, muitas que estavam no ''papo'', o Verdão nos decepcionou! Alguns times que vinham perdendo alguns jogos, contra o Palmeiras garantiam os 3 pontos. Jogos difíceis, capazes de fazer com que nós fizéssemos promessas, principalmente quando os rivais chegavam perto, ou até tirava nossa liderança, por uma, duas, rodadas e até alguns minutos, (que pareciam uma eternidade), promessas para que eles não continuassem na liderança ou até mesmo na cola do Palmeiras.

Sobre as vitórias, ganhamos mais do que qualquer um. Perdemos só seis, ninguém perdeu tão pouco. Ver seu time ganhar, e ganhar dos rivais, no melhor ano, o ano que íamos lavar a alma, por saber que ainda somos o Maior do Brasil.

Mas aí, 22 anos depois, mais de duas décadas depois, seu time embala. Ao invés de perder, tropeçar, cair, levantar, seu time empolga. Ganha 1, 2.. 23 jogos!

Não sendo fácil, não pelo jogo em si, mas por passar um filme na sua cabeça: Será que agora vai?

Sim, e foi o Palmeiras após altos e baixos nesses 22 anos, mostrou porque é o maior Campeão Brasileiro. Levantou-se, levantou sua torcida, levantou a taça de Campeão Brasileiro de 2016, deixou para a história um jejum e levantou a alma do torcedor alviverde para o infinito.

 

22 anos...

Mais de duas décadas...

E parece que foi ontem...

Porque hoje, o campeão é o Palmeiras!


Por Renata Rodrigues