OI DESESPERO, DEMOREI MAS CHEGUEI!

 

Foto: Globo Esporte.

 

Olá amiguinhos, é com grande satisfação que venho comunicar a vocês, que nesta quarta-feira (25), a Macaca volta à campo para mais uma batalha. Insistentes na fé que somos, às 19h15 estaremos todos mais uma vez em oração para que a cada rodada que passa, a nossa distância para Z4 seja maior.

Para a 24ª Rodada do Brasileirão, a Ponte Preta vai até o Estádio Durival de Britto em Curitiba, enfrentar o Paraná, com o peso de não vencer há três rodadas, com duas derrotas consecutivas. 

Para a partida de amanhã, Kleina que já não poderia contar com Camilo, que cumpre suspensão após ser expulso na partida contra o Sport, e com Marquinhos que ainda se recupera de lesão, agora perdeu também o atacante Marcondele (que foi titular diante do Operário), por conta de uma lesão no músculo. Mas como nem tudo na Ponte é desgraça, a torcida também pode ficar feliz com a possível (e provável) estreia de Lucas Mineiro e Renato Cajá, já regularizados no BID e treinando normalmente entre os atletas. 

A Macaca, que tem uma sequência dura pela frente, fará três confrontos diretos em dez dias -  Paraná (fora), Cuiabá (Majestoso) e Botafogo-SP (fora), e poderá definir suas chances para continuar brigando pelo acesso. Serão quase 300 minutos cruciais para o retorno à elite do campeonato, afinal de contas, se em 2018 Gilson Kleina conseguiu aquela arrancada histórica de 08 vitórias, por que em 2019 não poderia conseguir?

No extra campo, o que se tem de notícias nos corredores majestosos, é de que durante o final de semana, a equipe se reuniu com os dirigentes e comissão técnica para colocar os pingos nos “is”, após rumores de que alguns atletas insatisfeitos com a demissão do ex-técnico Jorginho, se armavam para derrubar o atual Gilson Kleina.

A Macaca ocupa hoje a 11ª posição com 31 pontos e deve ir a campo com Ivan, Edilson (Arnaldo), Renan Fonseca, Reginaldo e Henrique Trevisan (Diego Renan); Edson e Lucas Mineiro; Gerson Magrão, Renato Cajá e Everton (Vico); Roger.

 

Li Zancheta.