Olha nós aqui de novo, né Mengão?

 

Nesta próxima quarta-feira (2), mais uma vez o Flamengo enfrenta o Santos, só que pelo Campeonato Brasileiro pela décima oitava rodada.

 

Na quarta passada, a equipe carioca eliminou a equipe santista, numa partida agitada e cheia de polêmica, pela Copa do Brasil.

 

(Foto: Gilvan de Souza)

 

Dessa vez, já temos o novo camisa 1, Diego Alves, que fez sua estreia contra o líder domingo passado. Ele deu um alívio para os torcedores, já que o gol tem sido um motivo de preocupação a algum tempo. Já Zé Ricardo mostrou sinais no treino que haverá mudanças na equipe: talvez William Arão no lugar de Cuéllar. O lado ruim é que a dupla tão contestada deve voltar: Arão ao lado de Marcio Araújo, que permanece entre os titulares.

 

Esse jogo, apesar de ser outra competição, há sentimento de revanche de ambos os lados. Se os santistas mesmo ganhando perderam a vaga na semifinal da Copa do Brasil, os rubro-negros não estão nada satisfeitos com a virada impressionante que tomou. O apagão da equipe botou a prova, mais uma vez, o comando do treinador e alguns jogadores.

 

O time jogou contra o líder no último domingo, e fez dois tempos distintos. No primeiro vimos a equipe acuada, então no segundo, vimos o nosso Mengão de volta. Porém continuamos com um problema: posse de bola e problema na finalização.

 

Esse jogo, mais uma vez tem sensação de mata-mata, pois é necessário uma vitória para diminuir a diferença do líder, para voltar ao G-4. Provavelmente essa partida será tensa, pelo momento dos times e pelas polêmicas que envolveram o jogo passado entre eles e o jogo de domingo.

 

O jogo acontecerá às 21h45 no Pacaembu, e não na Vila. O Flamengo deve entrar em campo com Diego Alves, Pará, Réver, Juan e Trauco; Márcio Araújo, William Arão e Diego; Éverton Ribeiro, Guerrero e Everton.

 

 

Por Paula Barcellos