Onde está o problema Palestrino?

 

Após 3 jogos, com 3 derrotas sob o comando de Cuca, esta é a dúvida que ronda o Palmeiras

 

Não precisa ser palmeirense para saber, que algo vem acontecendo no clube. O time que tinha tudo ao seu favor, técnico vitorioso, manteve a base que venceu a Copa do Brasil, trouxe reforços e era considerado por muitos jornalistas o forte candidato ao título da Libertadores, simplesmente não conseguiu engrenar, e dia após dia, foi somando resultados negativos que culminaram na demissão de Marcelo Oliveira.

O Verdão não perdeu tempo e anunciou a contratação do técnico Cuca, mas o que seria a solução, até o momento não tem feito diferença. Em 3 jogos, com Cuca a beira do gramado, foram 3 derrotas, a última para o Red Bull Brasil, por 2x1.

Em meio a isso, muitas justificativas surgem para a baixa do time, inclusive a de que o elenco estaria “raxado”. Ao mesmo tempo que surgem as justificativas, a diretoria e os jogadores apressam-se em desmenti-las.

 

Créditos: R7

 

Com elenco inchado, o técnico não consegue empregar sua filosofia e o calendário apertado, não lhe permite testar o que tem a disposição, pois a cada novo jogo, o Palmeiras tem uma nova decisão pela frente. O torcedor tem sua paciência testada e já demonstra a insatisfação, por meio de protesto e vaias ao time.

 

Créditos: Rodrigo Faber

– Temos de ter calma e equilíbrio. O problema maior é a falta de tempo para trabalhar. Não há um tempo hábil para treinar, sob risco de perder jogador machucado. – afirmou o treinador

 

A derrota custou ao Palmeiras, que continua na vice-liderança do grupo B, com 15 pontos, atrás do Ituano. Além disso, já tem confirmada a baixa de Dudu para a partida diante do Água Santa.

Dudu protagonizou cenas lamentáveis de indisciplina em campo, após ser substituído. O jogador já vinha reclamando de dores e após cair no gramado, Cuca o substituiu. O jogador por sua vez, chutou o material dos médicos e esbravejou ao dar entrevista.

 

"Acho que sim (dava para continuar). Tem opção do treinador. Fazer o quê? Paciência. Os médicos não tem nada a ver. Nem deu tempo dele me examinar. É ter tranquilidade" Dudu

 

Na manhã de hoje, foi constatada a lesão e Dudu desculpou-se pelas atitudes, alegando serem apenas um “mal-entendido”.

 

O que fica é a dúvida de onde está o problema Palmeirense, uma vez que a troca de treinador não foi suficiente.


Por Mariana Alves