PARA ASSOMBRAR O GALO

Oi Deus, sou eu de novo

 

 

Foto: Reprodução da Rede Social do Clube

 

Na tarde deste sábado (27), o ASA irá até a capital alagoana para enfrentar o CRB, às 17h, no Estádio Rei Pelé, pela segunda rodada do Campeonato Alagoano.

Após o empate sem raça, sem graça e sem eficiência, o elenco voltou a treinar na terça-feira (23), visando esse 'clássico'. Para a semana a comissão focou mais em treinamento técnico-tático, além de preventivo. 

Os confrontos contra os times da capital sempre são bem disputados e bem difíceis de ganhar, pois além de contar com um elenco superior, as equipes de lá participam de outras competições durante o ano, o que exige um preparo muito maior. 

A equipe alvirrubra vem de uma 'vitória' por WO, somando 3 pontos, uma vez que o Coruripe não entrou em campo. Já a alvinegra segue invicta no ano, vindo de um empate por 0x0 contra o Jaciobá.

O fato é que estamos na segunda competição oficial neste 2021, mas mesmo sem perder, sabe qual foi o jogo mais convincente? Nenhum! Isso mesmo, pasmem, o ASA parece que está empurrando tudo com a barriga. Temos um técnico extremamente confuso, que faz alterações confusas no time, temos um elenco limitadíssimo, que parece entrar em campo após devorar um pratão de feijoada, e temos mais uma vez o dilema de não ter empolgação por um time! Parece que a queda para a série D foi o começo do tormento da torcida alvinegra, pois de lá para cá, só ladeira abaixo. 

O ASA sempre foi uma equipe que causava receio e medo nos adversários, mas hoje, infelizmente só causa pavor na própria torcida, por não ter segurança há anos em elenco, porém, a vida de torcedor é assim, não temos um minuto de paz, e estamos mais uma vez rezando/implorando para que o Fantasma assombre o galo praiano nesta rodada, e acorde de uma vez por todas.

Durante a semana foi anunciada a contratação do meia Thiago Potiguar, do atacante Daivison e do lateral-direito Lázaro para o seguimento da competição.  

Para a partida, teremos o retorno de Adailson e Zé Wilson, e a arbitragem ficará por conta de Rafael Carlos Salgueiro (CBF/AL) tendo como  auxiliares Brígida Cirilo Ferreira (FIFA) e Wellington Thiago de Almeida (FAF). Já o quarto árbitro será Gleiton Lins Vieira (FAF), e o analista George Alves Feitosa (CBF/AL). 

A provável escalação conta com Dida; Joaninha, Martony, Marcelo e Aquiraz; Johnnattan, Dinda e Echeverria; Gabriel, Edson Kappa e Ciel.

 

Pra cima deles, ASA!

 

Por: Arielly Soares, colunista do ASA GIGANTE

 

*Esclarecemos que os textos trazidos nesta coluna, não refletem, necessariamente, a opinião do Portal Mulheres em Campo.