PARA MANTER O 100%

 

Corinthians encara o Cerro Porteño pela Libertadores, no Paraguai


 

O Corinthians não conseguiu vencer o clássico contra o Santos na Vila, e o que vimos em campo, foi um futebol bem abaixo do padrão Tite de qualidade. O sistema de criação do Timão, simplesmente não existia e muitas vezes os atacantes, tinham de voltar para buscar a bola. Conclusão: derrota por 2x0, em uma partida marcada pelo bom futebol do veterano, Ricardo Oliveira. Mas vida que segue e o olhar Corinthiano, se volta para a Copa Libertadores da América.

A equipe paulista, desembarcou no Paraguai na manhã desta terça-feira, confiante para a partida e para muitos jogadores, o empate é um bom resultado.

 

Créditos: globoesporte


 

O empate é muito bom, mas vamos buscar a vitória a todo momento", zagueiro Felipe

 

Empatar não seria um mal negócio, porque o Corinthians é o líder isolado do grupo, com dois pontos de vantagem para o segundo colocado, Cerro Porteño. Além disso, o alvinegro de Parque São Jorge, defenderá a liderança, em duas partidas na Arena, onde tem aproveitamento excelente.

Os jogadores que foram poupados, retornarão a equipe, após trabalhos de fortalecimento muscular.

 

"O descanso ajudou, estou me sentindo muito bem fisicamente, preparado para jogar. No meu ponto de vista foi muito importante esse descanso", disse Giovanni Augusto. "Fisicamente sempre temos um risco de lesões por causa do calendário. Todo mundo está bem agora, 100% para jogar", completou Guilherme.


 

Clima tenso no Cerro

 

Para o Cerro, a partida será crucial, alias para o treinador César Fárias. Segundo a imprensa paraguaia, Fárias, está balançando no comando da equipe e corre riscos de ser demitido, independente do resultado em campo.

 

Créditos: goalcaracol

 

Sob o comando de Fárias, o Cerro soma quatro vitórias, cinco derrotas e dois empates, em 11 jogos. Mesmo sendo o vice-líder do grupo da Libertadores, o que preocupa a diretoria paraguaia é a campanha no Nacional.


 

A partida

 

Quem vencer no Estádio Defensores Del Chaco será o líder do grupo 8. Único 100% do grupo, o Corinthians deverá repetir o time que venceu o Santa Fé, por 1x0 na última quarta-feira.

No desembarque, Romero foi muito assediado pela imprensa local.Formado pelas categorias de base do Cerro, o atacante será opção no banco de reservas.

 

Créditos: globoesporte

 

Assim o provável time terá Cássio; Fagner, Felipe, Yago e Uendel; Bruno Henrique; Giovanni Augusto, Rodriguinho, Guilherme e Lucca; André.

O confronto será às 19hrs30, pelo horário de Brasília e terá arbitragem Peruana. O juiz responsável pela partida será Diego Haro, tendo como assistentes, Bráulio Cornejo e Coty Carrera.

Tite poupou jogadores para o clássico e recebeu duras críticas da torcida, muitas eu inclusive rebati. O elenco está em formação e cabe a Fiel torcida, compreender e apoiar a equipe. Como muitos torcedores disseram, alguns “Corinthianos”, estão mal acostumados e ao primeiro sinal de baixa no rendimento, apedrejam o bom trabalho de Adenor. Estes torcedores, a quem devo chamar de “modinha”, fica a dica, de que pesquisem e assistam os jogos da equipe em 2007, vejam ali o que era uma equipe medíocre e tentem por um momento imaginar o sofrimento que muitos alvinegros passaram.

O Corinthians é o time do povo, o time de uma Nação e não é nada sem o apoio INCONDICIONAL DA FIEL.  Ao invés de ficar a frente de seus computadores e celulares, metralhando o time, cobrem a diretoria, que fez péssimos contratos e trouxe peças de reposição em nível menor do que as que saíram!



 

#EmBuscadoBi

#VaiCorinthians


por Mariana Alves, pelo Corinthians, com Muito Amor, até o Fim!