PORTÕES FECHADOS E O SILÊNCIO DAS ARQUIBANCADAS VAZIAS

 

Foto: Ricardo Duarte

 

Seguindo as recomendações da OMS (Organização Mundial de Saúde), a Federação Gaúcha de Futebol decidiu por fechar os portões dos estádios na terceira rodada do Gauchão. Um momento não muito agradável de se ver, mas extremamente essencial como medida de contenção contra a proliferação do Convid-19 (coronavírus).

A federação se reunirá na manha desta segunda-feira (16), para decidir os rumos do campeonato estadual, se este seguirá normalmente, se terão mais rodadas com os portões fechados ou então se haverá paralisação das partidas.

 

Aimoré x Juventude

A terceira rodada teve seu pontapé inicial em São Leopoldo, no Cristo Rei. A equipe do Aimoré recebeu o Juventude no sábado (14), às 18:30h. Sob um forte calor e no silêncio de um jogo sem espectadores, o placar não saiu do 0x0. Ambas as equipes chegaram a balançar as redes, mas com gols irregulares o placar voltou a ser zerado. No caso do gol marcado pelo Ju, criou-se uma certa polêmica entre os torcedores pela anulação bem duvidosa.

O único jogo de sábado acabou como começou, placar final Aimoré 0x0 Juventude.

 

Grêmio x São Luiz

Abrindo o domingo, o tricolor recebeu na Arena, às 11h, a equipe do São Luiz, que logo de cara mostrou sua cartada. Michel marcou para os visitantes antes do primeiro minuto. Foram necessários 28 segundos da primeira etapa para as redes balançarem, 17 minutos mais tarde o São Luiz, como visitante abusado marcou outra vez. Agora foi Jean Carlos quem deixou o seu. Renato sacou de suas armas mais jovens para reverter o placar, colocando o jovem Jean Pyerre em campo. Na finaleira do primeiro tempo, Paulo Miranda de cabeça marcou o gol dos donos da casa. Na etapa final, Thiago Neves desencantou e acertou o fundo da rede para empatar o duelo. Diego Souza, aos 35” cobrou e pegou um rebote que foi certeiro para o fundo do gol.

De virada, placar final Grêmio 3x2 São Luiz.

 

Brasil de Pelotas x Ypiranga

A equipe de Ijuí viajou até Pelotas para enfrentar o Xavante, no Estádio Bento Freitas, às 16h. Um dos horários mais castigados pelo calor extremo que se fez no Rio Grande do Sul, no final de semana. Mas o calor não intimidou a rodada dos gols rápidos. Menos de 1’ de jogo e o Ypiranga abriu o placar, Leilson marcou o seu, o segundo gol também foi feito por um jogador do Canarinho, mas desta vez o gol foi contra. Aos 15’ Henrique Ávila deu um baita azar e empatou a partida, marcando contra o próprio time. Na etapa final, o Ypiranga outra vez foi rápido, 3” Neto Pessoa pôs os visitantes outra vez na frente. Quase ao apagar das luzes, aos 42”, Wesley Pacheco deixou tudo igual outra vez.

Dois gols para cada, placar final Brasil de Pelotas 2x2 Ypiranga.

 

Esportivo x Pelotas

Também no horário ingrato, às 16h, no Estádio Montanha dos Vinhedos o Esportivo recebeu o Pelotas, neste domingo (16). O time da casa começou vencendo, marcou seu gol aos 38’ da primeira etapa. No início da segunda etapa, o Pelotas deixou tudo igual com gol de Tadeu, mas o Esportivo correu atrás do resultado e marcou mais um.

Vitória dos donos da casa, Esportivo 2x1 Pelotas.

 

Caxias x Novo Hamburgo

 

Foto: Luiz Erbes/ S.E.R. Caxias

 

No Centenário, o Caxias recebeu o Novo Hamburgo. A equipe grená fez o dever de casa e segurou os três pontos. Com um gol em cada etapa, o Caxias manteve o controle do jogo e só viu perigo do visitante quase ao apagar das luzes, o Noia descontou aos 43’ do segundo tempo, mas não teve ânimo para arrancar o empate e menos ainda a vitória.

Placar final, Caxias 2x1 Novo Hamburgo.

 

São José-POA x Internacional

 

Foto: Ricardo Duarte

 

Para finalizar a rodada, às 19h, o Colorado foi ao Estádio Francisco Novelletto para enfrentar o São José-POA, e foi um visitante nada agradável. O Inter goleou o dono da casa, que ainda não conhecia a derrota no returno do estadual. Em noite com o brilho da estrela de Nonato, o alvirrubro marcou quatro vezes. Edenilson numa cobrança de falta perfeita estufou as redes, na sequência o “Nonashow” marcou duas vezes e ainda sofreu a penalidade que resultou o 4º gol, na cobrança Thiago Galhardo bateu tranquilo e ampliou. O dono da casa ainda fez o gol de honra, já nos acréscimos Rafael Goiano furou a defesa e marcou.

Visitante “non grato”, São José-POA 1x4 Internacional.

 

Foto: Max Peixoto

 

O domingo ainda foi marcado por manifestações pela parada do campeonato. O Grêmio entrou em campo usando máscaras e após a partida Renato Gaúcho ressaltou que os jogadores também correm perigo de contaminação. Nas redes sociais, poupados da partida, Musto e D’Alessandro também se manifestaram. Coudet apelou pelo consenso em defesa dos atletas ao final da partida do Internacional.

 

Jéssica Salini

 

*Esclarecemos que os textos trazidos nesta coluna não refletem, necessariamente, a opinião do Blog Mulheres em Campo.