POXA, MAS VOCÊS ME PROMETERAM QUE O PRESIDENTE DA CBF ERA SÃO-PAULINO

 

O São Paulo foi até São Januário para a partida diante do Vasco, válida pela décima quinta rodada do Campeonato Brasileiro, e perdeu por 2x0. O VAR interferiu claramente na expulsão de Raniel. 

A realidade é que o São Paulo fez um primeiro tempo ridículo, sem nem um chute a gol, já o adversário teve quatro chances, para piorar o que já não estava bom, Raniel foi expulso e aparentemente o árbitro Daronco foi convencido pela equipe que toma conta do VAR, que não tinha dado nem cartão amarelo para o atleta. O lance foi discutido por longos minutos! Pelo jeito, Jean Pierre esqueceu que o presidente da CBF é sao-paulino e interferiu na decisão do árbitro. Decisão para lá de ridícula. Era lance para amarelo, claramente o jogador visava a bola e tentou recolher a perna quando percebeu o adversário. 

 

Foto: Reprodução da Internet

Mas não dá para culpar só esse lance pelo jogo ruim, a equipe entrou sem postura, e assim foi o jogo inteiro, o tricolor conseguiu finalizar apenas 3 vezes na partida, vergonhoso, não? O time foi mal e criticá-lo pela postura de hoje é aceitável, mas vir com o discurso de que ninguém presta é fod#. 

Eram cinco vitórias consecutivas, óbvio que uma hora o time ia cair de rendimento, infelizmente, nem tudo é mar de rosas e na rodada perfeita para vencer, nós perdemos. E terminou assim! São Paulo joga mal, é prejudicado, absurdamente, pela arbitragem e perde.

Mas cada torcedor enxerga a realidade que quer, né? Perdemos, é o fim do mundo? Não. Hora de trabalhar para vencer o Grêmio em casa na próxima partida. 

 

Foto: São Paulo FC

O São Paulo, estaciona nos 30 pontos e fica a três pontos do Santos que empatou com o Fortaleza na Vila Belmiro. Jogo feio do São Paulo devido às circunstâncias, derrota "merecida". Enfim, bola para frente, sábado é dia de outra decisão.

 

Vamos, São Paulo!

 

Por amor ao tricolor!

Por: Raiane Vieira