PRA PARAR A CIDADE!

Dois gigantes. A maior rivalidade. Uma história centenária. Confrontos inesquecíveis. Torcidas apaixonadas. O clássico dos clássicos! NÃO EXISTE NADA IGUAL A PARMERA x CURINTIA!

 

Foto: patadasygambetas.blogosfera.uol.com.br

 

A sétima rodada do Brasileirão chega carregada de história, os dois maiores de São Paulo irão se enfrentar mais uma vez.

Durante toda a semana não se falou de outra coisa. Quando se trata do Derby, a imprensa faz questão de jogar gasolina no fogo. O clima que já é quente, explode em provocações, especulações, apostas e muita expectativa.

Para os torcedores mais apaixonados do mundo, a semana do confronto é inigualável! Insônia. Falta de apetite. Pouco rendimento no trabalho. Parece doença... E não é? O pensamento da segunda-feira é um só: quanto tempo falta para o domingo?

Nem os técnicos, orientados a segurar as suas emoções e não emitir opiniões passionais conseguem ficar imunes ao grande dia e nas entrevistas deixam escapar a própria ansiedade: "Desde o começo da semana só se fala disso... Esse clássico mexe com a adrenalina da gente...." (Tite) "Esse clássico motiva todo mundo. Estar dentro de campo com um adversário tão grande quanto você, tudo pode acontecer..." (Cuca)

Não tem jeito: Palmeiras e Corinthians invadem a cidade.

Dessa vez, o palco de mais um espetáculo, será a casa alviverde. Eis outro elemento para apimentar o confronto, isso porque o Palmeiras ainda não conseguiu vencer o adversário na sua nova casa.

Não bastasse tudo isso, os dois times estão no G4, afastados apenas por um ponto. O Corinthians é o líder com treze pontos e o Palmeiras é o quarto colocado com doze pontos.

O Verdão de Cuca está adquirindo a sua identidade e a estabilidade tão esperada pelo torcedor. Com boa campanha, tem conseguido fazer a tarefa dentro e fora de casa.

No treino tático de ontem, na Academia de Futebol, o comandante deu ênfase à simulações de jogo, lances com bola parada, marcação e velocidade na saída de bola.

O grande desfalque e que preocupa muito, é o nosso "xerife da defesa". Suspenso no último jogo, o zagueiro Vitor Hugo, que comanda as ações da defesa e ainda "ataca de atacante", fará muita falta. Lucas Barrios e Arouca, ainda machucados, completam a lista dos desfalques do Verdão.

Desta forma, o provável time que entrará em campo amanhã será: Fernando Prass, Jean, Edu Dracena, Thiago Martins, Egídio, Thiago Santos, Tchê Tchê, Róger Guedes, Moisés, Dudu e Gabriel Jesus.

Provável. Porque o Alviverde ainda fará um treino na manhã desse sábado, à portas fechadas, o que pode significar alguma mudança de última hora.

Na história do maior confronto do futebol paulista, o Palmeiras é superior. E quando se trata do Campeonato Brasileiro, a história se repete. Dos 52 jogos disputados, o Palmeiras foi o mandante em 27. Venceu dez, perdeu apenas seis e empatou 11.

O saldo de gols marcados, também aponta para a superioridade do Verdão, o time de Palestra Itália balançou as redes 32 vezes contra apenas 24 do rival.

Palmeiras e Corinthians não é apenas um jogo. Não se trata apenas de um grande clássico. Quando os dois times se encontram no solo sagrado do futebol, evocam toda uma história de fortes emoções. Carregam todas as lembranças vividas nesses cem anos. Não é pouca coisa.

Os jogadores tem o enorme privilégio de entrar em campo vestindo a pesada camisa cravejada de lutas e glórias. E o torcedor, a apaixonada tarefa de fazer toda a diferença fora de campo.

A torcida que canta e vibra vai viver novamente fortes emoções. Vai torcer como sempre e mais forte que nunca, como se fosse o confronto da vida : “Vamos Verdão, como muita raça e com vontade faz vibrar meu coração. Vai sacudir essa cidade, meu Palestra campeão...”



por Ale Moitas