PRÓXIMA PARADA: COPA DO BRASIL!

 

Maratona de jogos decisivos, próxima parada:

COPA DO BRASIL

 

Passado os ocorridos não tão bons do último domingo, agora é hora de aterrissarmos no campeonato em que somos os atuais campeões, isto porque, nesta quarta-feira (28) o Grêmio enfrenta o Atlético-PR pela partida de ida das quartas de final da Copa do Brasil, às 19h30 na Arena em Porto Alegre. O confronto de volta está marcado para daqui um mês, dia 27 de julho, quinta-feira, às 21h45 (de Brasília), na Arena da Baixada.

 

copa.jpg

Foto: Daniel Coelho para Agência PressDigital

Este será o quarto confronto entre as duas equipes na história da competição. A primeira vez que o Tricolor enfrentou o Atlético-PR, foi pelas oitavas de final da edição de 1996, com empate em 1 a 1 em Curitiba, gol de Carlos Miguel, e vitória gremista no Olímpico por 3 a 0, três gols anotados de pênalti pelo capitão Adílson.

O Atlético vingou-se na semifinal no ano de 2013, vencendo o Grêmio dentro de casa, por 1 a 0, e depois segurando o empate sem gols na Arena. O último duelo foi justamente no ano passado, pelas oitavas de final, no início do caminho gremista rumo ao pentacampeonato: vitória do Imortal na Arena da Baixada por 1 a 0, gol de Bolaños, e vitória dos paranaenses na Arena, devolvendo o 1 a 0. Na decisão nas cobranças de penalidades máximas, o Grêmio garantiu a vaga por 4 a 3.

Esquecendo os dados históricos e voltando à realidade, o último treino antes de receber o Atlético-PR, foi nesta terça-feira (27), onde os titulares não participaram das atividades com bola e apenas correram no gramado, já os reservas participaram de trabalhos em campo reduzido. Teremos alguns desfalques para a partida, como a do volante Maicon que está com tendinite no tendão de Aquiles e não foi relacionado para a partida.

 

Portaluppi também não convocou outros três jogadores que ainda se recuperam de lesões, sendo eles: o meia-atacante Miller Bolaños e os laterais Marcelo Oliveira e Léo Moura. O trio ainda precisa ser testado em um coletivo mais intenso para que o treinador avalie as condições de jogo de cada um, e só devem voltar a campo na partida contra o Palmeiras, pelo Campeonato Brasileiro.

alsaoska.jpg

Foto: Lucas Uebel para Grêmio

Desta forma, o treinador deve repetir o mesmo time que atuou na última rodada do Brasileirão. A provável escalação gremista tem: Marcelo Grohe; Edílson, Pedro Geromel, Walter Kannemann, Bruno Cortez; Arthur, Michel, Ramiro, Luan, Pedro Rocha; Lucas Barrios.

É pessoal, a maratona de jogos do Grêmio está aí. O caminho para o Tricolor conquistar o sexto título da Copa do Brasil está mais detalhado e próximo. Será preciso encontrar fôlego e usar o cérebro também.

O torcedor gremista pode sim nutrir expectativas, deve nutri-las! Não é porque perdemos um jogo que a fase ficará ruim, muito pelo contrário, é melhor perder no Brasileirão em que são pontos corridos do que nos mata-matas.

A Copa do Brasil é diferente, caros amigos, ela dá mais confiança! O hexa está vindo! Vamos acreditar!

Vamos pintar o Brasil, a América e o mundo de azul, preto e branco!

 

Saudações Tricolores!

Por Kamila Costha.