QUASE LÁ

 

 

Na noite desta quinta (06), o Internacional bateu o Cruzeiro/RS por 3x1, no Gigante da Beira-Rio, em noite inspirada de Brenner e Valdívia, garantindo vantagem para o jogo de volta, que vale vaga nas semifinais do gauchão.

 

Neste confronto, a equipe colorada contou com os seguintes jogadores: Marcelo Lomba, William, Léo Ortiz, Victor Cuesta, Carlinhos (Anselmo), Rodrigo Dourado, Edenílson, Uendel, D’Alessandro, Nico López (Valdívia) e Brenner (Roberson).

 

Mesmo sem Danilo Fernandes, que sofreu uma fratura, o colorado conseguiu a vantagem para o jogo de volta, e segue firme na busca pelo hepta. A etapa inicial foi marcada por erros grosseiros de ambas as equipes, e a primeira grande chance do Inter só veio aos 17 minutos, quando William bateu cruzado, depois de um passe de D’Alessandro, mas o goleiro Deivity defendeu de soco. Após, aos 21 minutos, Carlinhos tabelou com D’Ale e cruzou para Brenner, que saltou no meio de dois marcadores e abriu o placar de cabeça no gigante.

 

Na segunda etapa, as equipes voltaram sem alterações. O colorado, mais encaixado, entrou dominando o jogo, e aos 31 minutos William roubou a bola, chutou para o ILUMINADO, que dominou e deu um tapa, ampliando o placar E MOSTRANDO QUEM É O VERDADEIRO ARTILHEIRO.

 

 

(Foto: retirada da internet)

 

 

Aos 39, o Cruzeiro descontou com Dão, de cabeça, e já nos acréscimos, aos 47, o Poko Pika ressurgiu, cobrou falta direta e fechou  o placar no gigante. Final: Maior do sul 3 x 1  Cruzeiro/RS.

 

E não parou por aí. Depois de marcar o gol que deu sossego ao torcedor, Valdívia, que entrou em campo muito vaiado pela torcida, saiu em lágrimas, muito emocionado:

 

 

– Poko gol, né! Às vezes, a torcida vaia, mas eu sei da minha qualidade. Eu venho treinando muito, me dedicando para poder jogar bem. Esse gol foi muito importante para mim. Dedico para minha família, que esta sempre do meu lado. A cobrança é muito grande pelo que eu já fiz. Mas quando está no momento ruim, ninguém te abraça. A torcida às vezes não tem muita paciência, e estão certos, mas venho me dedicando para fazer meu melhor.

 

 

Agora, as duas equipes voltam a se enfrentar no próximo domingo, às 16h, no Vieirão, em Gravataí. Empate ou derrota por um gol classificam o Inter à semifinal. Já o Cruzeiro/RS precisa vencer por 2 a 0 para passar. Se devolver o 3 a 1, a partida vai para os pênaltis.

 

 

Rumo ao Hepta,

Melina Bölner.