Que fase hein, meus amigos!


 

 

Nesse domingo (10), o Inter enfrentou o Santos, na Vila Belmiro, pela décima primeira rodada do Brasileirão e levou os 3 pontos para casa. Apesar do histórico não ser favorável para o Colorado na casa do Peixe, a vitória foi para o lado vermelho.

O time entrou em campo com Danilo Fernandes (Daniel), Victor Cuesta, Rodrigo Moledo, Iago, Fabiano, Rodrigo Dourado, Edenilson, Patrick, Lucca (Nico Lopez), William Pottker e Leandro Damião (Rossi). Fabiano voltou para a lateral direita, após Zeca sofrer uma lesão muscular na coxa esquerda.

Os primeiros 45 minutos começaram com o Inter pressionando, levando mais perigo que os donos da casa, mas não conseguindo chegar ao gol. Até que Iago foi derrubado quando entrava na área e o juiz marcou pênalti. Damião foi para a bola e abriu o placar para os colorados.

 

 

Ricardo Duarte - S.C. Internacional

 

 

Logo depois, o Santos tentou ir atrás do prejuízo, porém no meio de uma defesa, Danilo Fernandes acabou se chocando com Rodrigo Moledo e parou o jogo por 5 minutos. O goleiro acertou a cabeça na coxa do zagueiro, mas continuou em campo até o fim da primeira etapa.

No segundo tempo, Daniel entrou no lugar de Danilo, que estava sem condições de continuar em campo, e já começou sendo acionado. Aos 3 minutos de jogo, pênalti para o Santos, em outro lance duvidoso. Gabriel foi para a cobrança e marcou o primeiro gol do Peixe.

Sem deixar o adversário comemorar, 2 minutos depois, Lucca cobrou uma falta e Cuesta cabeceou e ampliou o placar para o Colorado.

 

 

Ricardo Duarte - S.C. Internacional

 

 

Logo após o gol, Lucas Veríssimo começou a reclamar muito e só Deus sabe o que falou para o árbitro assistente que resultou na expulsão do jogador.

O Inter passou o resto do tempo tentando administrar o placar, com um jogador a mais e teve algumas chances. Nos minutos finais, o Santos ainda pressionou, mas não deu para o Peixe. O placar terminou 2x1 e a vitória foi para o lado vermelho, a terceira vez apenas dentro da Vila.

A partida também teve o gol 100 com a camisa do Inter de Leandro Damião, que infelizmente não foi de bicicleta, mas finalmente veio. O atacante é o 13º maior artilheiro na história do clube, podendo avançar ainda essa marca.

Vencendo fora de casa e chegando nos 7 jogos sem perder, o Colorado vem numa fase boa. Nem o mais iludido dos torcedores esperava uma campanha dessas, ainda mais com os adversários difíceis que enfrentamos nessa primeira fase do campeonato.

No início do ano, todos diziam que iríamos lutar para não ser rebaixados novamente, mas o Inter ocupa a 5ª colocação na tabela e vem melhorando a cada jogo. Mesmo não tendo um ataque tão eficiente quanto gostaríamos, conseguimos resultados bons.

A zaga continua sendo o destaque do time. Depois da consolidação de Rodrigo Moledo, Cuesta vem jogando o fino da bola. O zagueiro consegue fazer boas defesas e ainda ir para o ataque, dando assistências e marcando gols.

Apesar de estarmos sonhando com uma vaga na Libertadores, o pézinho tem que continuar no chão. Com a pausa para a Copa do Mundo, sabemos que a equipe perde um pouco o ritmo. Mas Odair vai ter tempo para trabalhar e quem sabe, voltar com o time melhor ainda.

O próximo jogo é contra o Vasco, no Beira-Rio em Porto Alegre, na quarta-feira (13) às 21:45 hrs. É o último jogo antes da parada para a Copa e só a vitória nos interessa. Que a boa fase continue nos abençoando!

 

 

Por Giulia Giongo, colorada iludida.