Que fase, Leão!

O Clube do Remo enfrentou o Santa Cruz neste domingo (8) em uma das rodadas de vida ou morte na Série C do Campeonato Brasileiro.

 

O time azulino segue na sequência de jogos decisivos para tentar escapar do rebaixamento.

 

(Foto: Página Oficial do Remo)

 

A partida começou agitada, mas ninguém chegava com perigo.

Aos 11 minutos, Pipico abriu o placar para os donos da casa.

O Remo foi para cima do Santa Cruz.

Entre vários chutões, nenhuma das duas equipes conseguiram finalizar.

Em um lance ainda no primeiro tempo, um toque de mão dentro da pequena área coral, o jogador subiu com os braços abertos e desviou bem de leve a bola que ia direito para a cabeça de Isac, que estava pronto para mandar direito para as redes.

No segundo tempo o time azulino voltou com toda a vontade de reverter o placar.

O Remo foi para o tudo ou nada. Teve maior posse de bola, mas o time não conseguia encaixar uma boa jogada para sair de cara ao gol.

Uma das melhores chances foi aos 16 minutos.

Quando um jogador coral, furou e a bola sobrou para Isac, que ficou cara a cara com o goleiro que conseguiu evitar o gol.

O nervosismo e o desespero tomaram conta do time Remista, que não encontrava o gol de jeito nenhum.

Aos 42, Eliandro recebeu um cruzamento e mandou a bola na trave.

Já nos acréscimos, os donos da casa confirmaram a vitória e sua vaga no G4. Ampliando o placar  após uma cobrança de falta em que a bola desviou e entrou.

Vale lembrar que o Remo teve problemas com a arbitragem do jogo.

Vacaria, mesmo do banco de reservas levou vermelho. Por conta de altas reclamações e confusão com o quarto árbitro. Vermelho sobrou também para Geandro.

O Remo enfrenta na próxima rodada o Botafogo-PB, no sábado(14), no Mangueirão, às 17h. Os ingressos já estão sendo vendidos em todas as lojas do Remo nos valores de R$20 arquibancada e R$40.

 

Por Rafaela Bittencourt