QUE VENHAM 2019 E BONS MOMENTOS!

 

BOTAFOGO ENCERRA O ANO COM DERROTA, PORÉM COM BALANÇO POSITIVO APÓS FASE CONTURBADA

 

CAMPEONATO BRASILEIRO 2018: ATLÉTICO-MG X BOTAFOGO-RJ

(Foto: Felipe Correia/Photo Premium/Gazeta Press)

 

Tudo tem um começo, um meio e um fim! Hoje foi o fim de mais um ciclo! 2018 acabou para o Botafogo! Não foi um ano nada fácil, mas foi um ano que, mesmo com todo sufoco e tropeços, terminamos melhor do que imaginávamos!

 

Está certo que saímos derrotados hoje do Horto, mas nem mesmo o mais otimista imaginou que o jogo de hoje não valeria mais nada para o Botafogo. Pois é! Há sete rodadas atrás, o único time que acreditávamos que poderíamos ganhar dele era o Paraná, e para a surpresa de todos, nas últimas sete rodadas, vencemos cinco, empatamos uma e perdemos apenas a de hoje, a última, que já não tinha validade. Que pena que o time não jogou o campeonato inteiro com a mesma garra que vimos jogando contra Corinthians, Flamengo e que emplacou quatro vitórias seguidas. Enfim... Não adianta lamentar! Agora temos que agradecer por esse ano ter acabado como acabou e pedir muita força a todos os santos, Deuses e anjos protetores para 2019 ser bem diferente!

 

Sabemos que temos uma batalha muito grande no ano que vem, sabemos que novamente a parte financeira será crucial no momento de contratações e de seqüência de campeonato, mas mesmo assim, não podemos deixar de acreditar que dias melhores virão e que coisas boas nos esperam num futuro bem próximo! Bem, assim espero!

 

COMO FOI A PARTIDA

 

CAMPEONATO BRASILEIRO 2018: ATLÉTICO-MG X BOTAFOGO-RJ

(Foto: Felipe Correia/Photo Premium/Gazeta Press)

 

O Botafogo chegou a Belo Horizonte com muitas novidades no time. Como era um jogo sem “validade”, Zé Ricardo aproveitou os desfalques de Valencia, suspenso, e de Lindoso e Carli, machucados, para testar jogadores que não jogaram durante o ano.

 

Até começamos o jogo bem. O Botafogo mostrou vontade, qualidade, porém sem muito perigo. As melhores e perigosas chances de gol partiram do Atlético, porém sem sucesso. Aos 17 minutos do primeiro tempo o time mineiro abriu o placar com Cazares. Mesmo com a derrota continuamos atacando, porém não conseguíamos bons chutes. Nossa melhor chance aconteceu apenas no segundo tempo.

 

O Glorioso voltou bem para a etapa final. Com apenas 1 minuto, Kieza teve a chance de empatar, mas apenas recuou a bola para Victor, já que demorou a chutar e foi travado pelo marcador. Outra chance clara foi com Pimpão aos 18 minutos. Após receber lançamento de Matheus Fernandes, apenas cabeceou para fora, desperdiçando mais uma chance. Nesse meio tempo, o Atlético continuou levando perigo, mas sem sucesso. Tivemos mais perto do empate por várias vezes, mas todas as chances não foram aproveitadas. A melhor delas ficou por conta de Kieza. Aos 47 minutos, Pimpão lançou para Kieza cabecear livre, porém a bola passou bem perto da trave esquerda, enquanto Victor apenas observava. Fim de jogo e do Brasileirão para os dois clubes.

 

Após essa derrota, o Botafogo permanece em nono lugar e agora precisa torcer pela derrota do Santos para não cair uma posição.

 

BALANÇO DE 2018

 

(Foto: Vítor Silva/SSPress/Botafogo)

 

2018 poderia ter sido um ano muito melhor do que foi. Infelizmente fomos eliminados precocemente da Copa do Brasil ainda na primeira fase, vencemos o Carioca, porém não convencemos. Jogamos a Sul-Americana e novamente fomos eliminados após erros de planejamento e falta de ambição. Já o Brasileiro, bem, não começamos muito bem e chegamos a correr risco de rebaixamento, porém uma arrancada no fim do campeonato nos salvou e ainda conquistamos a vaga na Sul-Americana do ano que vem.

 

Olhando esses pontos acima, podemos dizer que tivemos um ano razoável e até melhor que nossos rivais cariocas, já que saímos com a Taça de Campeão Carioca e chegamos a última rodada sem risco de rebaixamento. Não somos o vice-campeão do Brasileiro 2018, porém somos o único time carioca que conquistou algo. Bem, vida que segue e que venha 2019!

 

QUE VENHA 2019

 

Aproveitando a deixa da minha parceira Lívia Torres, gostaria de desejar a todos um ótimo mês de dezembro. Que o último mês do ano seja muito abençoado para todos vocês! Que vocês tenham um Natal muito feliz e que 2019 venha com muita alegria e bênçãos para todos nós, principalmente para nosso Botafogo!

 

Hoje meu ciclo no blog MEC se encerra, e só tenho a agradecer a cada um de vocês que sempre me acompanharam, mesmo nos momentos que o Botafogo não ajudava. Digamos que essa despedida não é um adeus, mas sim um até logo.

 

É muito difícil toda despedida. Hoje saio do MEC com o coração partido, com lágrimas nos olhos, porém com a sensação de dever cumprido.

 

Obrigada a todos por tudo! Obrigada aos leitores e amigos botafoguenses pela companhia de sempre, obrigada a minha parceira Livia pela amizade e parceria, obrigada a minha amiga Mariana, que foi quem me trouxe para o blog e nunca desistiu de mim, e obrigada a todas as colunistas pela parceria e amizade de sempre. Adoro vocês!

 

Grande beijo a todos!


 

FICHA TÉCNICA DO JOGO

 

38ª RODADA – CAMPEONATO BRASILEIRO

Atlético Mineiro 1x0 Botafogo

Data e Horário: 01 de dezembro às 19h (horário de Brasília)

Local: Arena Independência, em Belo Horizonte (MG)

 

Árbitro e Auxiliares: Braulio da Silva Machado (SC); Kleber Lucio Gil (SC/Fifa) e Neuza Ines Back (SC/Fifa)

Cartões amarelos:  Victor, Emerson, Leonardo Silva e Elias (CAM); Matheus Fernandes, Rodrigo Pimpão e Yuri (BOT)

Gols: Cazares aos 18 minutos do 1ºT

 

Atlético-MG: Victor, Emerson, Leonardo Silva (Gabriel), Maidana e Fábio Santos; Elias (José Welison) e Adilson; Luan, Cazares e Chará; Ricardo Oliveira (David Terans) - Técnico: Levir Culpi. 

 

BOTAFOGO:  Gatito Fernández, Marcinho, Marcelo Benevenuto, Igor Rabello e Moisés; Matheus Fernandes, Bochecha (João Paulo) e Marcos Vinícius (Leandrinho); Yuri (Ezequiel), Kieza e Rodrigo Pimpão- Técnico: Zé Ricardo.

 

Saudações Alvinegras!

Por Leilane Pereira