QUEREMOS O REMO DE VOLTA!

Remo 26-07.jpg

Imagem tirada da internet

 


Devolvam o Clube do Remo!
Devolvam o filho da Glória e do Triunfo!
Essa má gestão que assumiu nosso clube, que prometeu “mundos e fundos” e não fez absolutamente nada e vemos o CLUBE DO REMO à mercê.
Há 106 anos houve uma reorganização no nosso clube, onde: Oscar Saltão, Antonio Silva, Rubilar, Jaime Lima, Cândido Jucá, Harley Collet, Nertan Collet, Severino Poggy, Mário Araújo, Palmério Pinto e Elzeman Magalhães foram os heróis que tornaram possível o sonho de renascimento da antiga agremiação, entrando para a história do clube como o célebre Cordão dos Onze. Será que é preciso que outras pessoas assim como no passado tenham que interferir para as coisas fluírem?
Antes de fazer essa crônica foi feita uma  única pergunta (separadamente) para 33 amigos remistas: "Se tivesse o poder de mudar algo no Remo hoje, o que você faria?"

Separei aqui 5 respostas, além da primeira ser unânime, não só dos 33 que responderam, mas creio que de toda Nação Azulina, que pensa igual.

 

  • MUDANÇA DA DIRETORIA;


  • PLANEJAMENTO EM LONGO, MÉDIO E CURTO PRAZO;


  • MUDANÇA NO MARKETING;


  • PROCURAR MEIOS QUE TRAGAM RENDA, SEM DEPENDER TOTALMENTE DE JOGOS;


  • DÁ IMPORTÂNCIA NÃO SÓ PARA O FUTEBOL, MAS À  INSTITUIÇÃO CLUBE DO REMO AO TODO.

  •  

Essas 5 respostas de “soluções” são coisas que todos veem, todos sabem onde os dirigentes do Clube do Remo vem pecando feio, um ciúme e egoísmo nítido que só busca “renda” para interesses próprios, que não honram a instituição. Porque para nós azulinos de verdade o Clube do Remo representa que AQUI TU ÉS BRASIL, SÓ TU NOSSO IDEAL.

A instituição veio das “águas” e hoje existem várias modalidades, o que é o mais rentável ao momento é o futebol, que como a náutica nos trouxe muitas conquistas, o futebol é o que nos une, não importa classe, raça, credo religioso, todos somos remistas, nos abraçamos ao comemorar gols, choramos juntos na tristeza e alegria, entoamos a uma só voz o quanto amamos o Clube do Remo, amor que vem de pai para filho.

Nós, torcedores Azulinos exigimos RESPEITO AO CLUBE DO REMO, RESPEITO E HONRA AO MANTO AZULINO que vocês jogadores vestem, RESPEITO AO FENÔMENO AZUL, pois onde o Remo está tem Azulinos o apoiando.

Jogadores que estão escalados para defender o Remo nesse Brasileirão da série  C, saibam que sempre existiu o 12° jogador, a torcida. Se lembrem que se fizerem bons jogos, há casa cheia, CHEGA DE JOGAR PELO EMPATE! CHEGA DE ERROS GROTESCOS! CHEGA DE FAZER CORPO MOLE! O LEMA É GANHAR OU VENCER!

Outra coisa, à diretoria, vocês NÃO  VÃO NOS CALAR! O REMO É NOSSO! VAMOS FAZER O POSSÍVEL E O IMPOSSÍVEL PARA TER O CLUBE DO REMO DE VOLTA!

Nação Azulina, se pegarmos para si o nosso (lindíssimo) hino, logo no início diz:

 

 

Atletas azulinos somos nós,
E cumpriremos o nosso dever,
Se um dia quando unidos para a luta,
O pavilhão soubermos defender.”

 


Vamos defender o nosso pavilhão, vamos defender o nosso Clube do Remo!


Mariana De Moraes