REENCONTRO COM A VITÓRIA!

 

Ontem (24), em um típico domingo carioca de sol e muito calor, o clube de Regatas do Flamengo entrou em campo às 17 horas, e fez sua estreia na Taça Rio, o tal segundo turno do Campeonato Carioca. O confronto foi contra o fraco Americano, que teve seus momentos de pressão e conseguiu deixar o seu gol, mesmo tomando uma goleada.

 

(Foto: Alexandre Vidal/ Flamengo)

 

O rubro-negro tinha dois desfalques de peso: Bruno Henrique com virose e Éverton Ribeiro que sentiu dores. Com isso, Vitinho, tão discutível, ganhou a titularidade e já no primeiro minuto do jogo balançou a rede, que veio de um belo cruzamento de Pará, outro jogador nada unânime.

 

Depois disso, o jogo se resumiu na pressão dos donos da casa com tentativas de marcar, mas, infelizmente, perderam as oportunidades. Sem quer o Flamengo conseguisse finalizar, os visitantes viram a chance de tentar marcar o deles. No finalzinho da primeira etapa foi o Americano quem deu susto, porém também não foram eficientes e Diego Alves salvou a Nação.

 

(Foto: Alexandre Vidal/ Flamengo)

 

Logo no terceiro minuto do quarenta e cinco finais, Vitinho, novamente, balançou a rede. Num cruzamento de Pará, de novo, Gabi Gol quase fez o dele, mas bateu na trave e Vitinho não desperdiçou. Parecia ser a noite dele.

 

Em seguida, numa troca de passes entre Arrascaeta e Gabi Gol, que deu certo, enfim, Gabriel Barbosa marcou o primeiro com a camisa do Mengão.

 

Continuando, o time da Gávea se encontrou e mostrou quem mandava na partida. Com várias chances, a bola não entrava por pouco. Até que aos 38 minutos foi a vez do alvinegro diminuir com Espinho. Aos 41, foi a vez do camisa 10 Diego deixar o dele, em um bonito cruzamento rasteiro de Berrío, que fez sua estreia no estadual.

 

(Foto: Alexandre Vidal/ Flamengo)

 

Com uma goleada de 4 a 1 o Flamengo fez o seu dever de casa, mas ainda deixou a desejar, pois acabou deixando seu rival, muito inferior tecnicamente jogar e até levar perigo, o que foi totalmente desnecessário.

 

Ainda precisamos de mudanças na equipe, o time ideal ainda não chegou. Não sei se Vitinho desencantou ontem, ou se mostrou mais pois precisava entregar seu valor em campo, ou se foi uma daquelas tardes atípicas em que ele conseguiu mostrar o bom futebol. Podemos falar o mesmo de Pará.

 

Ainda temos mais um jogo na próxima quinta (28) pelo Estadual contra a Portuguesa-RJ, e já em plena terça de carnaval (5) estrearemos na Libertadores. Ontem, Abel conseguiu arriscar e viu seu time corresponder, agora é torcer para que dê certo nos próximos jogos.

 

Então, vamos Flamengo!

 

Paula Barcellos