SAI PARA LÁ ZICA!

 

O Regatas entrou em campo tentando se recuperar para continuar junto ao pelotão de cima, mas perdeu mais uma e fica no meio da tabela.

 

(Fonte: Douglas Araújo)

 

Saudações alvirrubras!

 

Incrível como em duas partidas tudo deu errado para o CRB. Duas derrotas seguidas, afastamento do G-4… enfim, uma "onda de zica" tomou conta nesses últimos dias. Perdemos a invencibilidade de quatro jogos diante do América-MG, então fomos à Recife para que tentar nossa recuperação e… toma-lhe tropeço. Com a perda dos pontos fora de casa o Regatas mantém os dez pontos e cai para a décima primeira colocação da tabela.

 

Como estávamos brigando pela parte de cima da tabela, a gente esperava um time ofensivo, que fizesse de tudo para matar o jogo assim que surgisse a oportunidade, mas os passes errados foram os protagonistas da noite. Logo no comecinho do primeiro tempo, aos cinco minutos, Edson Henrique recuou (na fogueira) para Edson Mardden. Sorte que os pernambucanos não conseguiram recuperar a redonda. Após esse momento de pânico, foi nossa vez de chegar ao ataque, aos oito minutos, e também aos dezesseis, com Léo Ceará e Dirceu Lucas. Dirceu arriscou o chute e o goleiro Mailson espalmou para fora.

 

Depois disso, Guilherme foi o terror da nossa defesa. Só ele chegou três vezes atormentando nossa vida, primeiro em uma falta que mandou para fora, outra que arriscou o chute e foi parado pelos nossos defensores e também quando recebeu a redonda dentro da nossa área, chutou cruzado e ainda bem que Mardden defendeu. Chegamos a desperdiçar duas chances com Felipe Ferreira antes dos donos da casa marcarem o gol. Aos quarenta e um minutos, em tabela entre Hernane e Ezequiel, o primeiro mandou no travessão e no rebote Guilherme conseguiu abrir o placar. Sport 1x0 CRB.

 

No segundo tempo o grande nome foi Edson Mardden que fez uma defesa quando Ezequiel cruzou e Norberto pegou de primeira. Não fosse o nosso paredão, os caras teriam ampliado. Depois de chegarmos duas vezes ao ataque, os mandantes tiveram outra chance com Leandrinho, que recebeu sozinho (sozinho, meu Deus do céu), arriscou o chute e nosso incrível Hulk Mardden defendeu com os pés o que seria o segundo gol deles. Conforme passou o tempo, o desespero tomou conta da gente. Vimos até nosso arqueiro marcar presença no ataque, mas não sem antes evitar outro gol com Hernane que arriscou um chute e Mardden buscou bem lá no cantinho.

 

No último lance da partida, com nosso paredão no ataque, em cruzamento de Alisson Farias, nosso capitão Victor Ramos cabeceou, a defesa do Sport afastou errado, e na sobra, Willie mandou um balaço no meio do gol. Mailson conseguiu defender e garantir os três pontos para o mandante.

 

Ao comentar sobre as derrotas das últimas duas partidas, nosso defensor Éwerton Páscoa disse:

"Terminamos no meio na tabela, vamos ter uma semana para descansar, mas o nosso foco é subir. Pensamos em estar perto do G-4, essas duas últimas partidas não saíram como planejamos, mas nós temos um grupo forte e temos totais condições de brigar para subir".   

 

Com essa parada para a Copa América, o  departamento de futebol estuda a possibilidade de marcar alguns amistosos para o elenco não perder o ritmo. Pode ser que alguns reforços cheguem. Aguardemos as próximas semanas para saber de mais informações.

 

Aos corneteiros de plantão, que declararam horrores do nosso goleiro Edson Mardden na partida contra os mineiros na rodada passada, espero que tenham assistido ao jogo, pois, não fosse Mardden fazer suas defesas milagrosas, a gente teria sido goleado em Recife. Sugiro que parem de reclamar um pouco. Perdemos outra vez, mas se não fosse ele, a coisa estaria mais feia ainda para nós! Pensem nisso!

 

O Nosso Lema É Amor ao CRB!

#AvanteRegatas

 

Por Adri Domingos