SANTA CRUZ QUEBRA TABU DE 6 ANOS NO SERTÃO!

 

Se na quinta (02) o Salgueiro derrubou a invencibilidade do Santa Cruz, no domingo (05) foi a vez do tricolor interromper a boa sequência de vitórias do Carcará.

 

A última vitória do Mais Querido em cima do Carcará na casa do adversário foi em 2011. A equipe coral sentiu a dificuldade de jogar contra o time bem entrosado do sertão na última quinta (2) e, com garra arrancou os três pontos no último domingo (5). Partida ocorreu pela 6ª rodada do Campeonato Pernambucano.

MUDANÇAS NA EQUIPE

O técnico coral apostou em seis modificações para a partida. E funcionou! Com o retorno de Léo Costa e Tiago Costa, ambos voltando de lesão, e regularização do uruguaio Federico Gino emprestado ao Santa pelo Cruzeiro, tornou-se possível todas essas mudanças, e a partida iniciou com: Júlio Cesar; Vitor, Anderson Salles, Bruno Silva e Tiago Costa; Federico Gino, David, Léo costa e William Barbio; Hallef Pitbull e André Luís.

O JOGO

A partida foi acirrada, com maiores chances para o tricolor no início. E o Santinha aproveitou uma dessas chances e abriu um placar num belo chute de fora da área de Hallef Pitbull.

GOL DO SANTA! O atacante, xodó da torcida, dominou e chutou forte, a bola desviou no zagueiro Ranieri e foi pro fundo do gol de Mondragon.  

Atacante Halef Pitbull marcou três gols na partida.  / Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

 

Logo após o gol, a equipe coral freou o ritmo da partida, como sempre tem feito. Tocando a bola e segurando o ataque sertanejo, que não estava dos melhores naquela tarde. Sorte a nossa!

Tivemos ainda uma parada técnica aos 25’, mas antes um cartão amarelo para Moreilândia, do Salgueiro e após a parada, mais um cartão amarelo, mas desta vez para o Santa, Tiago Costa levou.

Logo aos 13’ da segunda parte do jogo, Anderson Salles recebeu um cartão amarelo. E outro para o goleiro Júlio Cesar aos 29’.

O Santa usou as três chances de mudança na equipe: saiu André Luís para a entrada de Éverton Santos aos 21’, William Barbio para a entrada de Tiago Primão aos 34’ e o saiu autor do gol, Hallef Pitbull para Wellington Cézar entrar aos 41’.

Tiveram ainda mais três cartões amarelos, dois para o Santa com Thiago Primão e Gabriel Vallés, e um pro Salgueiro com Élvis.

O segundo tempo foi marcado pelo recuo do Santa, consequentemente avanço do Carcará e boa atuação do goleiro tricolor, que vem se mostrando pontual e certeiro, nos ajudando a manter a vantagem no placar.

 

E VEIO A VITÓRIA!

 

Foto: Héliton Araújo

Apesar do calor beirando os 40 graus, a incessante buzina do torcedor sertanejo ao pé do ouvido do banco de reservas tricolor, o desgaste da equipe e a seca de vitórias no Cornélio de Barros, os guerreiros corais trouxeram a vitória e aliviou o Santa na tabela de classificação. O técnico Vinícius Eutrópio exaltou o empenho da equipe:

“A vitória foi do grupo. Tenho que dar parabéns aos jogadores que conseguiram um triunfo em uma sequência de jogos dessa.”

Salgueiro permanece na liderança, enquanto o Santa ocupa a 4ª colocação.

 

PRÓXIMA BATALHA

O tricolor enfrenta o Náutico pela Copa do Nordeste na Arena Pernambuco no próximo dia 12. Jogará pelo Campeonato Pernambucano apenas no dia 19 contra o Central em casa.


TORCEDOR CORAL, CHEGUE JUNTO! APOIE SEU TIME DO CORAÇÃO!

Amara Lima