Santa Cruz vacila e perde para o Goiás

 

Santa Cruz e Goiás se enfrentaram na noite desta terça-feira (06), às 20h30, pela quinta rodada da série B, no Estádio Serra Dourada. Melhor para o Goiás que alcançou a primeira vitória na competição.

 

 

(Fonte: Globo Esporte.com)

Ficha de Jogo

 

Campeonato Brasileiro da Série B (5° rodada) 2017. Estádio Serra Dourada, Goiânia-GO.

Arbitragem: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP), Danilo Ricardo Simon Manis (SP) e Fabio Rogerio Baesteiro (SP).

Público: 3.489

GOIÁS: Marcelo Rangel; Tony (Elyeser), Everton Sena, Alex Alves, Carlinhos; Pedro Bambu, Victor Bolt, Léo Sena (Michael), Tiago Luis; Carlos Eduardo e Aylon (Léo Gamalho). Técnico: Sílvio Criciúma

SANTA CRUZ: Júlio César; Nininho, Anderson Salles, Bruno Silva, Roberto; Elicarlos, David (Halef Pitbull), Thiago Primão (Gino); André Luis (Bruno Paulo), Everton Santos e Ricardo Bueno. Técnico: Vinicius Eutropio

Gols: Gols: Carlos Eduardo (11’ do 1° tempo e 27’ do 2° tempo). Anderson Salles (45’ do 1° tempo)

Cartões Amarelos: Pedro Bambu, Elyeser, Everton Sena, David, Nininho, Elicarlos e Bruno Silva.

 

PRIMEIRO TEMPO

 

A partida já iniciou no ritmo acelerado para o time do Goiás. Tanto que, com 5 minutos, ele já havia levado perigo duas vezes para a barra de Júlio César. O Santa Cruz até tentou responder com chute forte de Primão mas, aos 11 minutos, após uma jogada aérea bem trabalhada por Tony, Carlos Eduardo subiu mais alto do que Bruno Silva e abriu o placar para equipe da casa. GOL DO GOIÁS.

Somente aos 20 minutos o time coral conseguiu reagir e, de fora da área, David arriscou uma bomba, defendida por Marcelo Rangel. Um minuto depois, em jogada de contra-ataque, Carlos Eduardo quase amplia o placar e marca o seu segundo gol, mas a bola passou por cima de Júlio César e foi para fora.

Aos poucos, o Santa foi abrindo mão da postura mais recuada e foi ensaiando uma reação. Assim, o jogo seguiu disputado para os dois lados. Aos 28, Ricardo Bueno cabeceou uma bola cruzada por David, passou muito perto da trave e foi para fora. Aos 31, Júlio César defendeu um chute perigoso de fora da área de Tiago Luís. O empate veio, somente aos 44 minutos, quando Roberto invadiu a área e foi derrubado por Carlos Eduardo. PÊNALTI. Anderson Salles foi para cobrança e converteu. GOL DE EMPATE DO SANTA CRUZ. O jogo seguiu até os 48 minutos sem mais emoções.

 

(Fonte: Twitter oficial do Goiás)

SEGUNDO TEMPO

Sem alterações, e como vem acontecendo nas últimas partidas, o tricolor voltou mais agressivo e empurrando o Goiás. Logo aos 5 minutos, Marcelo Rangel tirou o cruzamento de Ricardo Bueno e Elicarlos na sobra desperdiçou com um chute fraco.

Aos 10, Eutrópio optou pela entrada de Bruno Paulo no lugar de André Luis, pouco participativo na partida. Os dois times seguiram fazendo um jogo ofensivo e bem disputado. Aos 27, em uma cobrança de escanteio, o Goiás achou mais um. GOL DO GOIÁS.

Carlos Eduardo, de novo, apareceu sozinho na defesa do Santa Cruz, que contava com praticamente todos seus jogadores dentro da grande área. Aos 33, Bruno Paulo quase chega ao empate com um chute perigoso​, mas não conseguiu. O Goiás, então, soube tranquilizar a partida e levar o placar até o fim. Ainda nos acréscimos, Léo Gamalho quase aumentou para o time da casa, mas parou em Júlio César.

 

TÉCNICO

 

Novamente a postura apresentada pelo time comandado pelo técnico Vinícius Eutrópio incomoda a torcida. Dessa vez, o time coral deixou escapar 3 pontos importantes nessa campanha em busca do acesso à série A. O Goiás, até então, não havia ganhado no campeonato. Além disso, o técnico fez substituições equivocadas que contribuíram na segunda derrota da Cobra Coral na série B.

 

PRÓXIMO JOGO

A fim de correr atrás dos pontos perdidos, o Santa Cruz receberá, no Estádio do Arruda, o time do Londrina na sexta-feira (09), às 20h30. Para esse jogo, Eutrópio não poderá contar com Elicarlos, suspenso pelo terceiro amarelo. Apesar da derrota, o Santa permanece no G-4 com 9 pontos.

 

JOGUEM COM RAÇA

AVANTE SANTA

Por Isabelle Brasileiro