SE NÃO “VAR” NA TÉCNICA E NO APITO, “VAR” NA RAÇA E VENÇA! PARA LEVANTAR A TAÇA O GALO PRECISARÁ VENCER!

Saudações Atleticanas!

Primeira final do campeonato mineiro, o Galo joga pela vantagem de dois empates, uma vitória ou uma derrota pelo mesmo placar, já que foi o primeiro colocado na primeira fase.

Clássico sempre quente, primeiro tempo com muitos cartões amarelos para ambas as equipes, jogo pegado, com muitas paralisações. A bola rolou pouco e quando rolou ambas equipes levaram perigo, não foram lances animadores, mas ao menos perigosos.

Aos 19 minutos Cazares sentiu uma lesão e saiu para entrada de Vinícius. Aos 45 minutos Marquinhos marcou para o cruzeiro, a bola desviou em Leonardo Silva e atrapalha a defesa de Victor. Nos minutos finais teve uma cobrança de escanteio a favor do Galo, que segundo a TV Globo teve pênalti em Igor Rabello feito pelo zagueiro Dedé, porém o árbitro terminou a partida sem marcar.

No segundo tempo ficamos na espera do VAR apitar o pênalti, porém nada foi feito, para indignação atleticana. Também tivemos substituição no Galo logo no início, o nosso guerreiro Luan não entrou para a etapa final devido a uma lesão, Maicon Bolt foi o substituto. Aos 56 minutos Ricardo Oliveira empatou para o Galão. Com 1 a 1 no placar e a vantagem com o Galo, o Cruzeiro tentou ir para cima e conseguiu marcar mais um, dessa vez aos 60 minutos o zagueiro Leo marcou depois de uma cobrança de escanteio, no qual foi inexistente. Pois a bola tocou por último no jogador do Cruzeiro, a zaga atleticana também vacilou. Fred também marcou um gol de mão, porém dessa vez o VAR acertou e anulou o gol, ufa! Até que enfim.

O jogo continuou pegado, mas trucado. A última alteração do Galo foi a saída de Ricardo Oliveira para a entrada de Geuvânio, e teve mais confusões e com expulsões no final do segundo tempo, expulsão de Adilson do Galo e Rafinha do cruzeiro, pelo acúmulo de dois cartões amarelos.

 

1 jogo da final do Campeonato Mineiro 2019 partida realizada entre as equipes do Cruzeiro x Atletico MG

(Foto: Ramon Bitencourt / O Tempo)

 

O jogo da finalíssima será no sábado (20), às 16h30. Dessa vez o mandante será a torcida alvinegra, mais um fôlego, mais um incentivo, a força da massa será o destaque mais uma vez para o Galo levantar mais uma taça do mineiro. Mesmo com todas desconfianças com o elenco, a torcida não abandona e estará presente empurrando o Galo para a vitória, que assim seja! Amém!

#OMaiorCampeãoMineiro

#BicaBicudo

Ficha técnica - Cruzeiro x Atlético-MG

Motivo: ida da final do Campeonato Mineiro

Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)

Data: 14 de abril de 2019 (domingo)

Horário: às 16h (de Brasília)

Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães

Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa e Michael Correia Árbitro de VAR: Bruno Arleu de Araújo

Gols: Marquinhos Gabriel - 45'/1ºT (1-0); Ricardo Oliveira - 10'/2ºT (1-1); Léo - 15'/2ºT (2-1)

Cartão amarelo: Fred, Henrique, Lucas Romero, Edilson, Marquinhos Gabriel e Rafinha (Cruzeiro); Luan, Ricardo Oliveira, Fábio Santos, Adilson, Leonardo Silva, Victor (Atlético-MG)

Cartão vermelho: Rafinha (Cruzeiro); Adilson (Atlético-MG)

Cruzeiro Fábio; Edilson, Léo, Dedé e Egídio; Henrique, Lucas Romero (Ariel Cabral), Robinho (Rafinha) e Rodriguinho (Pedro Rocha); Marquinhos Gabriel e Fred.

Técnico: Mano Menezes.

Atlético-MG Victor; Guga, Réver, Igor Rabello e Fábio Santos; Adilson, Elias, Juan Cazares (Vina) e Luan (Maicon Bolt); Chará e Ricardo Oliveira (Geuvânio).

Técnico: Rodrigo Santana (interino)

 

Por: Angélica Sheila Moreira