SEGUNDA-FEIRA AMARGA

 

COM LEI DO EX EM AÇÃO, O BOTAFOGO PERDE EM CASA E SEGUE EM 7º NO BRASILEIRO

 

A noite desta segunda-feira(26), tinha tudo para ser uma noite especial. Poderíamos terminar a rodada em 3º lugar. A torcida marcou presença e ainda tivemos a linda surpresa de ter presente a Giulia, filha do atacante Roger.

No último sábado o Globo Esporte transmitiu uma linda reportagem que contava um pouco da história da linda menina de 11 anos, que nasceu deficiente visual. No dia da gravação com Giulia, ela conheceu o comentarista Luis Roberto e ganhou um presente diferente dos que ela já havia ganhado: uma gravura 3D que retratava o gol de seu pai em cima do Sport, que classificou o Botafogo para as oitavas de final da Copa do Brasil. A reportagem foi emocionante, e ver Giulia em campo trouxe de volta todo esse sentimento.

Era sua primeira vez no Estádio Nilton Santos e ela entrou em campo acompanhada de seu pai e seu irmão Nícolas. Ao final do Hino Nacional, ela estava sorridente junto ao seu pai e foi surpreendida pela torcida do Botafogo que gritou seu nome. Um pouco envergonhada, ela acenou para a torcida, que continuou gritando seu nome até ela sair de campo.

 

https://c1.staticflickr.com/5/4261/35392412242_5f74f14100_z.jpg

Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo

 

Com toda essa emoção, não restava ao Botafogo vencer o jogo, porém a história foi outra.

 

SOBRE O JOGO

Com João Paulo suspenso e Matheus Fernandes poupado, essa era a oportunidade perfeita de testar Camilo e Montillo, porém, antes mesmo que eles pudessem mostrar alguma coisa, o Botafogo foi surpreendido pelo Avaí. Aos 5 minutos do primeiro tempo, o time catarinense desceu em contra-ataque e após bater em Igor Rabello, a bola caiu nos pés de Joel que marcou. Nesse mesmo momento, Montillo, que ficou afastado quatro meses por lesão e fazia seu primeiro jogo como titular após a recuperação, sentiu a panturrilha e pediu pra sair. O meia foi substituído por Guilherme e saiu muito chateado, indo direto para o vestiário.

Após o gol, o Botafogo até ameaçou uma reação, porém quem foi pra cima novamente, foi o time catarinense. Aos 16 minutos, após cruzamento da esquerda, Pedro Castro ajeitou a bola e Joel marcou seu segundo gol.

Com a desvantagem no placar, o Botafogo passou a pressionar o Avaí, porém a bola não entrava. Foram muitas finalizações desperdiçadas. Em uma delas Igor Rabello pegou rebote na pequena área, mas chutou com muita força e a bola saiu por cima do gol.

No segundo tempo o jogo continuou com o Botafogo atacando e o Avaí se defendendo. Tivemos inúmeras chances de fazer o primeiro gol, porém sem sucesso. O time chutou de fora da área, de dentro, cabeceou, mas a bola sempre parava nas mãos do goleiro Douglas, ou saia sem levar muito perigo. Rodrigo Lindoso teve grande chance de marcar quando recebeu de Camilo e deu uma cavadinha na saída de Douglas, porém a bola saiu bem próxima ao gol.

Mesmo com a pressão do Botafogo, o Avaí conseguiu sair em contra-ataque e quase fez o terceiro. Junior Dutra chutou e, após desviar na zaga, a bola acertou o travessão e saiu. No fim do jogo tivemos outra grande chance de marcar. Lindoso cabeceou em direção a Pimpão que tentou uma bicicleta, mas novamente Douglas ficou com a bola. Realmente, a noite não era do Botafogo. Mesmo com o número surpreendente de 29 chutes a gol, a bola não entrou.

 

https://c1.staticflickr.com/5/4230/35430025101_23284a6096_z.jpg

Foto: Vítor Silva/SSPress/Botafogo

 

Com a derrota por 2x0, o Botafogo continua em 7º lugar com 15 pontos e tem como próximo adversário no Brasileiro o atual líder Corinthians, no domingo (02) às 16h na Arena Corinthians, mas antes o compromisso do time Alvinegro é em Belo Horizonte. O Botafogo tem pela frente o jogo de ida pela Copa do Brasil contra o Atlético Mineiro às 19h30 do dia 29, no Estádio Independência.

 

PARABÉNS A TORCIDA

Não posso deixar de parabenizar os mais de 22 mil torcedores Alvinegros presentes no Estádio Nilton Santos. Mesmo com algumas vaias no fim do jogo, a festa da torcida foi linda e merece ser registrada.

 

https://c1.staticflickr.com/5/4277/35521336696_b44869e2c9_z.jpg

Foto: Vítor Silva/SSPress/Botafogo

 

DADOS DO JOGO:

Árbitro e Auxiliares: Caio Max Augusto Vieira (RN), Flavio Gomes Barroca (RN) e Vinicius Melo de Lima (RN) (Todos CBF)
Público: 20.396 pagantes e 22.819 presentes

Renda: R$ 353.360,00 

Cartões amarelos: Igor Rabello (BOT); Douglas, Leandro Silva e Luan (AVA) 
Gols: Joel (Avaí) aos 5 minutos e aos 16 do primeiro tempo

BOTAFOGO: Gatito, Arnaldo, Marcelo, Igor Rabello (Pachu), Victor Luís, Rodrigo Lindoso, Bruno Silva, Camilo (Leandrinho), Montillo (Guilherme), Rodrigo Pimpão e Roger - Técnico: Jair Ventura

 

Saudações Alvinegras!

Por Leilane Pereira