Sentimento da nação: desânimo.

 

 

image.png

Raphael Zarko

 


Nessa quarta-feira (07) o Clube de Regatas do Flamengo reencontrará sua torcida para o confronto com o Cruzeiro. Lá vem nós, novamente, enfrentar mais um fantasma. Parece que passamos essa temporada tendo que ficar vendo nossos fracassos a cada momento para nos lembrar que esse ano está sendo patético. Poderia ser pior, claro que podia, mas o que temos de recursos decepciona até os mais otimistas torcedores, e eu me incluo nesse grupo aí. Está difícil fazer um pré jogo empolgado cheio de esperança e expectativa, pois a equipe não engrena. Quando a gente acha que vai, empaca de novo.

 

Há uma semana atrás estávamos comemorando a nossa classificação para a semifinal da Sul-Americana, e juro que estamos felizes demais. Só que veio domingo e um gol no início do segundo tempo deu um alívio que durou tão pouco, que quando vimos já estávamos tomando uma pseudo goleada, com falhas tão grotescas que Rueda se irritou. Parece que estão entregando o maior campeonato do país, mas vão se garantir ganhando a Sula? Espero de coração que sim! A gente, torcida, está fazendo o nosso papel de apoiar, afinal onde estiver estarei, oh meu Mengão. Já vivemos momentos muito piores e ainda assim enchíamos o Maraca, e sabe porquê? Víamos PAIXÃO em campo, que contagiava a gente. E isso parece ser a exceção nessa temporada e nesse elenco de luxo.  

Voltando para a partida, que é a trigésima rodada do Campeonato Brasileiro, o treinador já tem algumas baixas de peso: a dupla titular de zaga está lesionada, tanto Juan quanto Réver ainda não se recuperaram de suas respectivas lesões, ainda tem Diego na seleção brasileira e Trauco com a peruana. Além disso, Guerrero está suspenso pela Fifa, pois foi pego no exame antidoping. Com a lambança de Pará no último jogo, ele sai e entra Paquetá, e Lincoln, da base, é relacionado pela primeira vez. Acontece que sem 5 titulares, basicamente teremos um time novo, ou seja, pouco entrosamento. E o mais preocupante, sem goleador. A equipe que entrará em campo deve ser: Diego Alves, Rhodolfo, Leo Duarte, Renê, Rodinei, Cuellar, William Arão, Paquetá, Everton Ribeiro, Everton e Vizeu (Vinícius Júnior).

 

Os mandantes precisam vencer para se manter no G7 já que na rodada passada, quase deixaram a sétima posição e viram seu rival, oitavo colocado (Vasco), diminuir a diferença para dois pontos. Os rubro-negros podiam ter aproveitado a derrota do Botafogo e ter passado para a sexta posição, ficando ainda com dois pontos de vantagem. Porém, o Flamengo foi exatamente o que tem sido nesse ano, aquele que desperdiça as chances boas. Inclusive contra o próprio Grêmio no primeiro turno, foi o jogo que nos desestabilizou, quando era o confronto direto pela segunda colocação.

 

A partida será na Ilha do Urubu com a visita da Raposa às 21h45. Espero que com a equipe modificada, quem entre em campo mostre serviço, muita garra e paixão. Afinal é muito desanimador ser aquele 12º jogador que só pode torcer e depende dos outros para jogar. Assistir a apatia deles em campo e não poder fazer nada. Então, a gente vai torcer, vibrar e empurrar você, logo vai pra cima deles Mengão!

 


Por Paula Barcellos