SEXTOU COM CLASSIFICAÇÃO DO CITY

Manchester City bate o time de Madrid por 2x1 e se classifica para as quartas de final

 

Varane preso no bolso de Gabriel Jesus.

Foto: Twitter @Pldadepressão

 

Alô quartas de final, chegamos!!

 

Queria dizer que o melhor do jogo foi o menino Jesus pela assistência e o gol marcado, ou até mesmo o De Bruyne por mais uma partida impecável. Mas sem sombras de dúvidas nosso melhor em campo estava de branco e no time rival, deixo aqui o meu obrigada Varane pelos dois presentes na hora do gol, saiba que estamos eternamente gratos.

Enfim a Champions voltou, depois de exatos 5 meses desde o primeiro jogo, o City entrou em campo nesta sexta-feira (07), contra o time Merengue e com um bom placar ao seu favor. Tinha o regulamento em mãos mas deixou de lado e foi em busca da vitória.

O jogo começou bem, os dois times com bastante cautela mas o City precisou de apenas 8 minutos para abrir o placar, após Varane bobear com a bola e Gabriel Jesus roubá-la tocando para Sterling que apenas chutou para o gol, com extrema facilidade.

Com o gol marcado, o camisa 7 chegou ao 100° gol pelo Manchester City.

Mesmo com o placar ainda mais ao nosso favor, os Citizens começaram a pressionar o rival em busca de ampliar o marcador. Sterling teve a chance de marcar outro um no minuto seguinte, mas seu chute acabou indo para fora.

O jogo ficou bem movimentado, o time de Madrid precisava marcar gols e saiu para o ataque, fazendo Ederson trabalhar duas vezes seguidas. Mas aos 27 minutos saiu o empate do adversário, com gol de cabeça do Benzema, sem chances para nosso arqueiro.

 

Foto: Site Oficial do Manchester City

 

Mesmo com o empate, a equipe de Guardiola continuava pressionando em busca de ficar a frente no placar novamente. Chances para ampliar o placar não faltaram, mas os jogadores pecaram bastante na hora de finalizar.

Já no último minuto da primeira etapa, quase tivemos um golaço olímpico De Bruyne, em uma cobrança de escanteio pela esquerda, mas o goleiro rival acabou fazendo uma bela defesa.

O City voltou para a segunda etapa com sede de gols, e logo no primeiro minuto Sterling deu um belo chute obrigando o arqueiro adversário a fazer uma excelente defesa mandando para escanteio. 

Na batida, tivemos outra tentativa de gol olímpico com De Bruyne, mas Courtois salvou a equipe de Madrid novamente.

A equipe de Pep Guardiola mandou na partida, ditava o ritmo de jogo e sempre chegava à grande área levando bastante perigo, mas sempre faltava o passe de ouro no último chute ou um pingo de sorte para a bola voltar a estufar as redes.

O time de branco até tentava assustar a meta de Ederson, mas nada que levasse tanto perigo assim. 

Aos vinte minutos, Gabriel Jesus teve uma boa chance de fazer um golaço após troca de passes entre ele, Gündogan e De Bruyne, porém mais uma vez, Courtois espalmou para fora.

Mas isso não impediu que nosso menino deixasse sua marca na partida, pois 3 minutos depois, nosso amado Varane lhe deu outro presente após uma recuada de cabeça muito mal feita. Nosso camisa 9 não perdoou, se antecipou em relação ao Courtois deu apenas um leve toque na saída do goleiro e já saiu fazendo aquela ligação.

Alô mãe, anota aí que teve gol do Menino Jesus.

 

E temos o melhor Gabriel brilhando na Europa.

Foto: Site Oficial do Manchester City

 

O Brasileiro Gabriel Jesus é o segundo jogador a conseguir marcar contra a equipe de Madrid nos dois confrontos em um mata-mata da Champions League. Além de ter chegado aos 14 gols pela Liga dos Campeões em sua carreira. Igualando a Ronaldo Fenômeno e Adriano Imperador.

E se com o empate a classificação já era nosso, com a vitória o elenco começou a administrar o placar e contava os minutos para o apito final. Mas enquanto ele não chegava, os jogadores continuavam levando perigo à meta adversária, porém sem muito resultado. E já do outro lado, não tinham espaços para chegar a área de Ederson, que trabalhou bem quando foi exigido.

De Bruyne, mesmo tendo ficado sem marcar gol e sem dar uma assistência, foi sem dúvidas um dos melhores em campo, jogou muito e por azar do destino não conseguiu deixar sua marca na partida.

Aos 49 minutos, o juiz apitou pela última vez trazendo alegria para a melhor parte de Manchester e acabando com as esperanças de quem sonhava com um confronto entre Madrid e Cristiano, quem sabe na próxima..

Até porque nosso adversário nas quartas será o Lyon, que mesmo perdendo a partida, se classificou por conta do gol marcado fora de casa. 

Esse embate está marcado para o próximo sábado (15), às 16:00 (Horário de Brasília), no José Alvalade, na capital portuguesa. A partida sem torcida e em confrontos únicos.

 

Por: Thais Santos

 

Ps:. Obrigada Varane

 

*O BlogMec esclarece que os textos trazidos nesta coluna não refletem, necessariamente, a opinião do Blog