TCHAU 2018, ESPERO QUE 2019 NÃO ME ILUDA

 

E o último jogo do ano chegou, será contra a Chapecoense lá em Chapecó. O jogo acontecerá às 17h00 (de Brasília) no domingo (2).

Depois de um primeiro turno maravilhoso, já sonhava com essa partida, receberíamos a taça e soltaríamos o grito preso mais um ano na garganta: “É CAMPEÃO”.

 

Mas como nem tudo é como a gente sonha, agora estamos lutando para irmos direto para a fase de grupos da Libertadores.

 

Além de um elenco limitado, para esta partida teremos alguns desfalques: Bruno Peres, Tréllez, Luan, Gonzalo Carneiro e Joao Rojas com lesões e Reinaldo pelo terceiro amarelo. Jucilei é dúvida pois teve alguns problemas pessoais e teremos a volta de Hudson e cá entre nós, ou um ou outro.

 

Com esses desfalques a provável escalação fica assim: Jean; Araruna, Arboleda, Bruno Alves e Edimar (Caíque); Hudson, Liziero e Nenê; Everton, Diego Souza e Helinho.


 

(Foto: uol.esporte)


 

Essa jogo acaba sendo uma decisão diferente para os dois lados, para o Tricolor, uma provável fase de grupos na libertadores e para Chape um escape do rebaixamento.

Muitas emoções podem acontecer.


 

O que aprendemos em 2018 com o São Paulo?

 

Esse ano foi uma loucura, vimos um time desacreditado dar um salto enorme, mas sempre dizem que quanto mais alto a queda é  maior ainda, e assim aconteceu. Colocamos alguns jogadores no topo e quando precisamos realmente deles eles caíram grandemente de rendimento.

Aprendemos que o culpado sempre será o técnico, que jogador não ama a camisa e que seremos iludidos.

Ah, e não desmarque churrasco com as amigas acreditando que verá seu time ser campeão.


 

Por Bia Souza

Eu te amo São Paulo