Teve chuva, sim! Mas não de gols!

O clube paranaense convocou a torcida, o mau tempo não ajudou e afastou o torcedor, mas aqueles que compareceram ficaram decepcionados com mais um 0x0 dentro de casa.

FOTO: globoesporte.com

Mais uma terça-feira de empate na Vila Capanema, infelizmente, amigos! O Paraná Clube recebeu o Paysandu e ficou no 0x0, desperdiçando pontos essenciais para chegar ao G4. Permanece como 5º colocado na tabela, mas pode cair de posição ao fim da rodada da Série B.

Novamente o adversário chegou preparado para enfrentar o Tricolor e se fechou na retranca. Foi uma partida de defesa contra ataque, praticamente. O Papão deu pouco trabalho ao goleiro Marcos, mas, em compensação, Emerson não parou de trabalhar e fechou o gol, como tem feito há mais de 8 jogos. Mesmo com um a menos, após a expulsão do volante Augusto Recife aos 25' do 2º tempo, o time paraense segurou e manteve o sistema de defesa.

Com mais posse de bola e chances de gol, o time da Vila perdeu boas oportunidades de abrir o placar e a última delas foi de "arrancar os cabelos" e fazer o torcedor voltar pra casa frustrado. Na pequena área do Paysandu, Lucio Flávio escorou de cabeça, Robert recebeu e... FUROU!!! Foi daqueles lances para o "Inacreditável Futebol Clube" ou para o "Bola Murcha". Triste!

FOTO: globoesporte.com

Agora é trabalhar e usar os 10 dias livres para ajustar a equipe. O técnico Marcelo Martelotte não contará com Lucio Flávio, já que o atacante recebeu o 3º cartão amarelo e não enfrenta o Criciúma na sexta-feira (22), às 19h15 (Horário de BRasília), no Heriberto Hülse. A esperança é o retorno de Jean e que Nadson consiga achar o caminho do gol.

Quem sabe fora de casa a rede não balança?! 

Por Carla Eloiza Aguiar