TRAVA NA VITÓRIA

 

Corinthians vence a terceira seguida e segue colado no Santos no topo da tabela


 

Foto por Rodrigo Coca/Agência Corinthians

 

Mais uma noite de meninas alvinegras, mais uma noite de vitória. A equipe do Corinthians entrou em campo às 19h desta segunda-feira, feriado de 7 de setembro, na Fazendinha, para enfrentar as meninas do Cruzeiro pela 7ª rodada do Brasileirão Série A1 e dorme feliz com o placar de 4x1 na conta.

 

Arthur Elias escalou uma equipe um pouco diferente para essa partida. Sem Vic Albuquerque (com uma lesão no ombro), as 11 titulares foram Lelê, Paulinha, Giovanna Campiolo, Erika, Juliete, Andressinha, Zanotti, Grazi, Cacau, Adriana e Maiara.

 

Se engana quem acha que foi um jogo fácil. Apesar da diferença óbvia entre as equipes, já que é a primeira vez que as cruzeirenses disputam a Série A1, as visitantes deram trabalho e não tornaram a vitória uma missão fácil. Sem Vic fazendo a infiltração, o Corinthians perdeu velocidade e viveu um primeiro tempo completamente travado no meio de campo e na defesa celeste.

 

A primeira e melhor chance do Corinthians foi justamente a do primeiro gol, só aos 30 minutos, em um cruzamento pela esquerda onde Gabi Zanotti recebeu na entrada da área e deu um tapa certeiro para o fundo do gol, fazendo 1x0 para o Corinthians. Apesar do gol, o volume de jogo das alvinegras seguiu baixo e com dificuldade. Lelê muito alertou a defesa pelos buracos abertos, com razão, já que o gol de empate não tardou a vir e aconteceu aos 45 minutos do primeiro tempo, em uma dormida das donas da casa.

Com um Corinthians jogando menos do que o costume e um Cruzeiro crescendo e conseguindo segurar as investidas, o 1x1 refletiu bem o que foi a primeira etapa de jogo.

 

Os últimos 45 minutos já foram um pouco diferentes. As alvinegras voltaram no pique e conseguiram a virada logo aos 3 minutos, em uma belíssima jogada pelo meio entre Zanotti e Cacau, que balançou as redes e garantiu o segundo gol. 

 

Foto por Rodrigo Coca/Agência Corinthians

 

Com 19 minutos, Arthur Elias fez mudanças na equipe e saíram Maiara, Cacau, Paulinha e Zanotti para as entradas de Gabi Nunes, Gabi Portilho, Katiuscia e Tamires. As escolhas trouxeram velocidade ao time que cresceu no jogo e passou a impor o respeito característico.

 

As mudanças deram resultado e, aos 29, Tamires lançou a braba para Gabi Portilho pegar de primeira e fazer um golaço de cabeça. Não perca a conta: 3x1 para as meninas do Parque São Jorge.

 

Com 4 minutos de acréscimo, ainda deu tempo para, aos 46, Pâmela fazer mais um gol de cabeça, fruto de um escanteio, e fechar o placar em 4x1.

 

A recuperação do Corinthians no segundo tempo foi nítida. Talvez com o futebol jogado na primeira etapa, o resultado final pudesse ser desastroso, mas Arthur Elias foi sagaz, soube direcionar a equipe, fez mudanças importantes e mostrou o quão forte é seu elenco tanto individualmente quanto coletivamente. 

 

Com o resultado, as Minas seguem coladas no Santos, com 18 pontos, assumindo a vice-liderança por saldo de gols. Seguimos voando!

O próximo desafio é na quinta-feira (10), contra as Gurias do Internacional, no Rio Grande do Sul. A partida acontece às 19h30 e será transmitida pelo twitter do Brasileirão Feminino.

 

Vai, Corinthians!

 

Por Victória Monteiro