Tricolor empata e dá adeus ao Paulistão

 

Neste domingo (23), o São paulo foi a Arena Itaquera para enfrentar a equipe alvinegra pelo segundo jogo da semifinal do Paulista. Para sair com a classificação o Tricolor precisava vencer por 3 gols de diferença, já que no Morumbi o Corinthians balançou as redes duas vezes, mas em meio a polêmica da arbitragem a partida acabou empatada.

 


(Foto: Rubens Chiri - saopaulofc.net)


 

O jogo

 

O São paulo entrou em campo com apenas uma determinação, atacar, fazer gols, o quanto antes. Porém os donos da casa marcaram firme, não deram espaço para os atacantes Tricolores. A primeira chance veio com Pratto aos 4'min o argentino chutou cruzado e Cássio defendeu.

Jucilei que fez uma boa partida, marcava em cima e roubava muitas bolas, aos 10', Pablo cabeceou sozinho na área mais errou, aos 24' de novo os donos da casa assustaram rodriguinho chutou e passou na trave direita de Renan Ribeiro.

Que angustia, o tempo passava e o São Paulo não marcava, aos 30' em uma bate rebate Cueva chutou mas Cássio defendeu. Mais um susto no gol do Renan, Romero chutou mas a trave estava ao nosso favor. Parecia que o primeiro tempo ficaria 0x0 até que Jô (de novo) em posição de impedimento após cobrança de falta bateu na saída do arqueiro tricolor fez 1x0


 

Segunda etapa

 

Os dois técnicos não mexeram nos times no intervalo, e a primeira chance de gol veio de Cueva que bateu falta, mas Cássio defendeu. Estava na hora de mudar, ir para o tudo ou nada e então o professor Ceni tirou Júnior Tavares e Gilberto e colocou Luiz Araújo e Chavez.

Com essa mudança toda a equipe são-paulino foi para o campo de ataque, mas a defesa corinthiana estava bem. E só aos 38' veio o empate com Lucas Pratto, mas já era tarde demais, não dava mais tempo, infelizmente o jogo acabou 1x1 e a equipe tricolor foi desclassificada.


 

A dor da eliminação…

 

Mais uma vez o São Paulo cai em mata-mata, e o coração do torcedor se desespera, estamos a 5 anos sem levantar uma taça, já trocamos de jogadores, já trocamos de técnico, até presidente já caiu e a postura continua a mesma. É difícil para um torcedor apaixonado lidar com essas derrotas, mas difícil porque foram duas eliminações praticamente em casa, é inaceitável perder no Morumbi por 2x0 chega a ser desrespeitoso com torcedor que se sacrifica para acompanhar o time.

Porém não é hora de xingar e muito menos de denominar UM só culpado, o momento é de total apoio, cobranças são bem vindas para que o time cresça, já massacrar um jogador não adianta em nada.

 

Rogerio Ceni é novo na função e todos sabiam que o maior ídolo da historia do clube iria precisar de mais tempo para arrumar a casa, e pelo menos ele está “blindado” das críticas da torcida. Temos que continuar acreditando no trabalho do MITO, focar na Sul-Americana e principalmente no Brasileirão que é um campeonato longo e intenso.



 

FICHA TÉCNICA

 

CORINTHIANS 1X1 SÃO PAULO

Data: 23 de abril de 2017 (domingo)

Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)

Competição: Campeonato Paulista (segunda partida da semifinal)

Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza Auxiliares: Alex Ang Ribeiro e Herman Brumel Vani

 

Cartões amarelos: Rodriguinho, Arana, Léo Jabá, Jadson (Corinthians); Wesley e Chávez (São Paulo)

 

Cartão vermelho: Thiago Mendes ( São Paulo)

 

Gols: Jô aos 46 do 1º tempo; Lucas Pratto aos 39 do 2º tempo

 

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Arana (Moisés); Gabriel e Maycon; Jadson, Rodriguinho e Romero (Léo Jabá); Jô (Kazim). Técnico: Fábio Carille

 

SÃO PAULO: Renan Ribeiro; Wesley, Maicon, Rodrigo Caio e Júnior Tavares (Luiz Araújo); Jucilei, Thiago Mendes e Cícero (Thomaz); Cueva, Pratto e Gilberto (Chávez). Técnico: Rogério Ceni


Por: Bia Souza- São teus Guias brasileiros que te amam eternamente