Tricolorzinho arranca a classificação em jogo quente!

 


 

(Foto: Tetê Viviani/Colaboração saopaulofc)

 

Neste domingo (13), São Paulo e Ferroviária repetiram o confronto que acabou em empate na fase de grupo e se enfrentaram valendo vaga para as oitavas de final da 50a edição da Copinha de 2019, às 21h45 de Brasília na Arena Fonte Luminosa em Araraquara.

Com dois gols na primeira etapa e um jogador a menos durante 15 minutos, os meninos de Cotia venceram os donos da casa.

 

JOGO QUENTE!

 

O Tricolorzinho entrou em campo favorito, mas sabendo que o jogo não seria fácil, além de ter disputado uma partida difícil conseguido só o empate contra a Ferroviária na última rodada da fase de grupo, os garotos sabiam que iriam sofrer pressão da torcida do time da casa e dos jogadores que dariam tudo em campo para classificar a equipe Grená. Mas os são-paulinos entraram com foco total e não demorou para o artilheiro do time marcar. Aos 8’ Diego sofreu falta, Wellington cobrou rápido e  cruzou milimetricamente na cabeça de Gabriel Novaes, que mandou a bola para o fundo da rede.



 

ILUMINADO - Camisa 9 é o Artilheiro do Campeonato.

(Foto: Tetê Viviani/Colaboração saopaulofc)


 

Os jogadores do São Paulo não se acomodaram após o gol e continuaram atacando a equipe de Araraquara, aos 12’ Fabinho tirou dois jogadores da Ferroviária da jogada e bateu forte no gol, mas o goleiro Guilherme fez a defesa.

 

Aos 20’ foi a vez de Gabriel Novaes ser o garçom, o artilheiro do campeonato avançou pela esquerda e tocou para Fabinho marcar. 2x0 SPFC!

 

(Foto: Tetê Viviani/Colaboração saopaulofc)

 

SUSTO

 

Aos 24’ o jogo precisou ser paralisado na Fonte Luminosa. O Camisa 9 do São Paulo bateu a cabeça com um defensor da Ferroviária e desabou no chão. Gabriel Novaes saiu para entrada de Vitinho.

Os momentos foram de tensão, até porque o tricolor já perdeu um dos seus principais jogadores, o camisa 10, Gabriel Sara. Novaes precisou ser atendido na ambulância e tomou alguns pontos na nuca, mas no intervalo da partida já estava recuperado e não deve desfalcar o Tricolorzinho nas oitavas.

 

O São Paulo ainda chegou a assustar aos 37’ com Nestor. E aos 39’ e 41’ foi a vez da Ferroviária com Richard e Pedro Guerreiro, nas duas o goleiro Thiago Couto saiu bem e conseguiu a defesa.

No finzinho da primeira etapa ainda deu tempo do técnico da Ferroviária ser expulso por reclamação.  

 

O segundo tempo começou no mesmo ritmo do primeiro, o Tricolor no ataque e a equipe Grená só se defendendo.

Aos 21’ o zagueiro Diego do Tricolor sofreu falta, foi provocado pelo atacante Rafael do AFE e na frente do árbitro deu uma cabeça nas costas do atacante, o árbitro viu tudo e expulsou o jogador.

O tricolor passou a sofrer mais pressão dos donos da casa, até que aos 37’ o camisa 5 da Ferroviária fez falta em Vitinho, no meio de campo e tomou vermelho, os dois times ficaram com 10 até o apito final do jogo.

Com a vitória o São Paulo se garante nas oitavas de final com o melhor ataque da competição.

O próximo adversário é o Mirassol, às 19h15 da próxima terça-feira (15), na Arena Fonte Luminosa.

Os meninos de Cotia jogaram bem e conseguiram dominar um adversário importante, agora a missão é ainda mais difícil, já que o desgaste está começando a pesar e os desfalques a surgir.

 

Por Jéssica Gonçalves - Vamos SÃO PAULO!!!