Um clássico para tentar redenção!

Nesta quarta-feira (16) mais um clássico carioca será uma decisão. Na verdade ainda será só o primeiro jogo da semifinal da Copa do Brasil, mas a expectativa para esse torneio aumentou muito, após a decepção no Brasileiro. É a chance de conseguir ganhar um campeonato expressivo.

 

A partida por se tratar de um clássico já tem uma áurea polêmica, mas os personagens de ambos os times afloram ainda mais os ânimos. Amanhã vai ser a estreia do badalado técnico rubro-negro Reinaldo Rueda.

 

Ele terá bastante trabalho a fazer, e o quarteto reforço não poderá jogar, pois não estão inscritos no torneio. Além que o artilheiro do time, Guerrero, ainda está se recuperando da lesão. O cenário não é favorável para a equipe da Gávea, já que o último jogo das quartas foi um desastre, que só não se tornou um pesadelo porque acabou o tempo. Só por isso mesmo!

 

Podemos dizer que amanhã começará um novo ciclo com o novo treinador, acendendo a faísca de esperança da torcida. A Copa do Brasil se tornou nossa redenção, ao lado da Sul-americana. Esperamos que o time que entrar na partida mostre a garra que tem, pois já vimos isso. Esperamos que se empenhem e busquem motivação na Nação Rubro-negra que não desiste de apoiar.

 

Imagem extraída da internet

 

Rueda afirmou que só escolheria os jogadores após as atividades desta tarde (15), e como ele tem desfalques e não consegue o elenco, fica difícil pressentir qual seria escalação. Ele disse na sua apresentação que vai achar o DNA do Flamengo, então que ele encontre logo, antes que fique para a próxima temporada, afinal se o décimo segundo jogador está lutando, os outros onze não podem desistir.

 

Queremos raça, amor e paixão lá no gramado! Nos bastidores, estão tentando resolver a burocracia para que ele possa comandar de perto seus novos comandados.

 

A partida é o jogo de ida da semifinal da Copa do Brasil, acontece no Engenhão às 21h45. Já o segundo jogo será no Maracanã na quarta seguinte (23).

 

E mais uma vez, que a rivalidade fique no campo e que a violência não tire o brilho do espetáculo que é uma partida de futebol! Vamos Mengão!!

 

Por Paula Barcellos