UM DUELO DE GIGANTES MARCADO PELA RIVALIDADE

Liverpool x Manchester City se enfrentam neste domingo (10), às 13h30m, em Anfield, uma super vantagem para o time comandado por Jürgen Klopp, que contará com o apoio de sua apaixonada torcida. 

 

Foto: Site Oficial do Clube

 

Será um dos jogos mais importantes desta 12ª rodada, um confronto direto entre os líderes da competição. Os Reds lideram com 31 pontos, seis a mais que o time de Manchester, o que acentua ainda mais a rivalidade entre as duas equipes. Com a vitória, o Liverpool poderá abrir nove pontos e reinar absoluto na primeira colocação na tabela.

 

Enquanto a imprensa inglesa faz questão de frisar, em todos os períodicos esportivos, a disputa entre Klopp e Guardiola, o técnico dos Reds pensa por outro viés. Em entrevista coletiva depois do último treino, ele declarou:

 

"Não vejo este jogo como uma decisão como muitos querem colocar, pois ninguém vai comemorar o título e nem mesmo ficar em situação fantástica, já que ainda estamos no primeiro turno. Existe por parte da imprensa uma necessidade em ampliar o grau de empolgação dos jogos e por isso que estão dando esta conotação. Mas estamos cientes de que precisamos tentar ganhar para podermos fazer a lição de casa."

 

Foto: Site Oficial do Clube

 

Sobre o time que entrará em campo, Klopp afirmou que todos os que estão conectados com os Reds precisam estar em "absolutamente excelentes condições" para o jogo.

 

Henderson foi descartado no meio da semana devido a uma doença, mas está de volta. Sadio Mane fará sua 100ª participação em um jogo da Premier League desde que se juntou aos Reds.

 

Os desfalques são Joel Matip , Xherdan Shaqiri e Nathaniel Clyne, com lesão, e Ki-Jana Hoever que disputa a Copa do Mundo da FIFA Sub-17, pela seleção da Holanda.

 

Roberto Firmino, um dos grandes nomes do ataque bombástico do Liverpool, também participou da coletiva. Para ele, a partida é tão importante como todas as outras disputadas e que a única diferença é que os times estão na ponta da tabela.

 

“É uma partida em que temos que ter cuidado, jogando contra um grande time que conhecemos muito bem, e eles também nos conhecem. Temos que ter cuidado e focar no jogo para ter um bom desempenho e tentar vencer. É claro que é um jogo que vale seis pontos, e temos que fazer o nosso melhor: defender bem e jogar um bom futebol", avaliou o brasileiro.

 

O atacante destacou a importância da torcida e disse que ela sempre gera uma atmosfera incrível nas arquibancadas e funcionam como se o elenco tivesse a jogar com um 12º homem.

 

Foto: Site Oficial do Clube

 

“Espero que nossos fãs possam ser esse jogador extra e nos apoiar durante toda a partida. Em campo, tentaremos dar o nosso melhor e, é claro, executar muito bem e vencer a partida", frisou.

 

Do outro lado, o técnico do Manchester City Josep Guardiola fez outro tipo de avaliação, em coletiva. 

 

“Nós sabemos que distâncias longas contra adversários de grande regularidade são sempre complicadas de serem tiradas. Portanto, precisamos estar atentos ao que pode acontecer neste clássico”, analisou.

 

O técnico do City confirmou a ausência do goleiro brasileiro Ederson por lesão.

 

“Ederson não vai conseguir jogar. Não sei por quanto tempo ele ficará fora. Claudio Bravo irá bem, ele é um goleiro excepcional, venceu muitos jogos com a seleção do Chile. Não tenho dúvidas que fará grande partida”, disse o treinador.

 

Carla Andrade