Um jogo para tentar esquecer o que passou.

 

 

Foto: Reprodução

 

Amanhã o Flamengo vai a Curitiba para enfrentar o Atlético-PR, time que estava no seu grupo na Libertadores, e com quem se enfrentou duas vezes esse ano. Com o placar de 2x1 em ambos os jogos, cada equipe ganhou em seus domínios. A equipe paranaense se classificou com um gol nos acréscimos numa vitória heróica. Já a equipe carioca perdeu a vaga na única combinação que não podia acontecer.

 

O Flamengo vem de duas vitórias consecutivas em cima do Atlético-GO lá em Goiânia. No sábado, pelo Campeonato Brasileiro ganhou de goleada e conseguiu conduzir a partida. Já na quarta-feira passada, a partida foi o jogo de volta pelas oitavas de final, e a história foi outra: a equipe adversária cresceu e o Fla quase viu a classificação escapar.

 

Já o Atlético vem de duas derrotas no Brasileiro, e um empate sem gols contra o Santa Cruz pela Copa do Brasil. Ambas as equipes precisam se reerguer e uma vitória seria um refresco para qualquer uma delas.

O jogo de amanhã não será fácil, encontrar um adversário que lembra o fracasso de mais uma vez cair na fase de grupos. Por isso o Flamengo deve entrar em campo com os titulares e força máxima.

Ederson será poupado e Cuéllar, ganhará uma oportunidade. Rodinei será opção no banco. Com isso, o time titular com três volantes pode ter: Muralha, Pará, Réver, Vaz, Renê (ou Trauco), Márcio Araújo, Willian Arão, Cuéllar (Rodinei), Mancuello, M.Savio e Guerrero.

 

Foto: Globo Esporte

 

Falando em jogadores, está cada vez mais próxima a estreia de Conca e a volta de Diego que estava lesionado. Já o Atlético vem com time completo também. As ambas escalações não foram confirmadas.

O jogo acontecerá na Arena da Baixada as 16h (Brasília), pela quarta rodada do campeonato Brasileiro.

 

 

Por Paula Barcelos