Um novo campeonato

 

 

Apesar da boa campanha feita ainda na fase de grupos, o Caxias entra em campo amanhã como se fosse um novo campeonato. O confronto diante do Maringá começa do ‘zero’ e terá ar de decisão. Isso porque a equipe gaúcha estreia nas fases decisivas da Série D. Serão dois jogos diante do clube paranaense, pelo primeiro mata-mata da competição.

 

 

Luiz Erbes

 

 

 

A preparação grená começou com apenas uma dúvida: Nathan Cachorrão era tido como desfalque, depois de sofrer uma entorse no tornozelo esquerdo, na partida diante do Inter de Lages no último final de semana. A princípio, o atleta estava fora do jogo deste domingo, mas voltou aos treinamentos na tarde da última quinta-feira e participou normalmente dos trabalhos impostos por Luiz Carlos Winck. Tranquilizados com a recuperação de Cachorrão, está confirmado de que o Caxias entrará em campo com força máxima. A equipe que defenderá nossas cores em campo será composta por: Gledson, Cleiton, Júnior Alves, Jean e Julinho; Marabá e Gilson; Eder, Diego Miranda e Nathan; Wesley. Nada diferente do que já conhecemos.

Além disso, Louback foi apresentado esta semana. O atacante vem da segunda divisão do campeonato paranaense e atuou pelo Cascavel. Conhecido como o ‘ceifador do interior’, o atleta estará à disposição do técnico no banco de reservas.

O Maringá vem de um grupo equilibrado e apresentou um aproveitamento razoável na primeira fase. O destaque fica para a atuação do centroavante Bruno Batata, que marcou quatro gols em cinco partidas e é o artilheiro do clube na competição. O técnico da equipe paranaense sabe da importância deste confronto e cita a boa campanha apresentada pelo Caxias fora de casa. Em entrevista ao Jornal Pioneiro, Fernando Marchiori falou sobre o adversário gaúcho:

 

 

— É uma equipe muito forte, organizada, compacta e tem um conjunto eficiente. Então, temos que tomar cuidado com o todo para conseguirmos sair com um resultado positivo dentro de casa.

 

 

O Caxias viajou neste sábado para Maringá. As equipes se enfrentam amanhã (3), às 16 horas, no estádio Willie Davids, pelo jogo de ida do primeiro mata-mata.

A arbitragem ficará por conta de Paulo Henrique Schleich Vollkopf auxiliado por Leandro dos Santos Ruberdo e Cicero Alessandro de Souza, todos do MS.

O jogo de volta acontece no próximo domingo, dia 10, no estádio Centenário.

 

 

Agora é a hora de consolidar a boa campanha feita na primeira fase. Chegou a hora de mostrarmos para o que viemos. Todos juntos com o grená!

 

Francielle Fabro