UM PESADELO CHAMADO: BARCELONA JOGANDO FORA DE CASA PARTE II

 

 

Barcelona esquece de entrar em campo e é derrotado pelo Valencia

 

Foto: Divulgação/Internet

 

É inexplicável o futebol pífio que o Barcelona apresentou neste sábado (25), contra o Valencia pela La Liga. Parecia um jogo de Casado vs Solteiros, um jogo treino de uma seleção contra os meninos que bate uma bola na rua de casa. 

 

"Fizemos muitos passes sem sentido e não tínhamos a profundidade que desejávamos. No primeiro tempo não fomos bons e no segundo tivemos mais chances, mas isso não é suficiente para nós". - Setién

 

Metade da torcida, inclusive eu mesma, ficamos tão iludidos com a boa partida e o aumento na posse de bola contra o Granada, que esquecemos de lembrar que não adianta nada ter um bom número de posse de bola, se o time não sabe finalizar a gol, não sabe atacar com precisão e ficam tocando a bola, chutando para o lado até chegar no Messi, a verdadeira "Messidependência".

 

Além do Barça ter jogado pessimamente hoje, o Valencia apresentou um bom jogo, fazendo o simples e assustando bem mais quando chegava na grande área. Os 2x0 foi bem pouco levando em conta o tanto que o adversário jogou, além das defesas absurdas da muralha Ter Stegen, o pênalti defendido pelo mesmo e gol bem mal anulado do juiz.

 

A derrota de hoje tem vários culpados, começando pelo presidente Bartomeu até chegar aos jogadores, os únicos que saem ilesos são Ter Stegen e Quique Setién, porque não tem no mundo um treinador com menos de 15 dias que consiga mudar totalmente a estrutura de uma equipe. 

 

Graças a Deus o Valverde saiu, agora falta Bartomeu e mais uma penca de jogadores porque não dá mais para sofrer com as mesmas peças, sofrer por não ter uma zaga decente. O Barcelona antes de te matar ele te humilha, oficialmente cansada. 

 

Foto: Divulgação/Internet

 

O JOGO:.

 

O Barcelona já fez péssimas partidas nesta temporada, mas a de hoje foi de longe a pior de todas. O time inteirinho foi muito abaixo do esperado, a única salva é Ter Stegen que salvou a equipe grená de levar goleada. 

 

Começamos o jogo com a famosa posse de bola, mas quem assustava mais eram os donos da casa, e aos logo 10 minutos de jogo nosso amado Piqué fez o que ele sabe fazer de melhor, uma falta desnecessária dentro da área, conhecido como pênalti.

 

Maxi Gómez foi para a cobrança e viu o melhor goleiro do mundo, vulgo Ter Stegen, defender a cobrança espetacularmente.

 

Passamos o primeiro tempo muito abaixo do esperado, com o Barça com maior posse de bola mas não sendo efetivo e o Valencia assustando sempre que chegava a área de Ter Stegen, o obrigando a fazer várias defesas incríveis.

 

Nossas únicas chances foi de falta com Messi, que passou bem longe, e um lance onde Arthur tinha tudo para chutar a gol mas preferiu cumprir o lema da equipe "toque para o lado". Foi um verdadeiro milagre ter terminado a primeira etapa com 0x0 no placar.

 

Foto: Twitter Oficial do Barcelona

 

Voltamos ao segundo tempo parecendo que as coisas iam funcionar quando logo de cara Messi e Ansu Fati fizeram uma bela tabela mas a bola acabou indo para fora.

E o mal que a gente esperava aconteceu logo em seguida, aos três minutos, a zaga do Barça tem um leve apagão e Maxi Gómez chuta a bola e conta com um desvio em Alba, para superar Ter Stegen e fazer 1x0 para os donos casa. 

 

Depois do gol levado a equipe Culé deu uma leve acordada, atacando mais e indo em busca do empate. Mas o dia não era nosso e absolutamente nada dava certo, até nosso camisa 10 que tentou de todas as formas salvar a equipe, estava ruinzinho em campo. 

 

E o que estava ruim, piorou totalmente quando Maxi Gómez deixou a marca dele em campo e fez o segundo do Valencia na partida. Depois disto o Barça parou completamente de jogar e toda torcida Culé rezava fielmente pelo fim da partida. 

 

Gabriel Paulista, que foi praticamente um dos melhores em campo na equipe adversária, chegou a marcar um golaço, mas o juiz que estava mais perdido que cego em tiroteio, marcou uma falta no Alba inexistente e mandou cobrar o escanteio novamente - vai entender mas agradeço eternamente.- 

 

Nem os 4 de acréscimos foi capaz de fazer o Barça empatar a partida, saímos de campo derrotados por 2x0, fora o baile e com grandes chances de sair da liderança, caso o rival de Madrid ganha sua partida contra o Real Valladolid

Confesso que o pensamento para esta partida é somente um:

 

Fala Real Valladolid, bom dia, cara. Deixa eu te falar uma coisa. Eu estou pensando aqui, sei que está difícil para vocês arrumarem recursos para lutar contra o rebaixamento, sei que estão correndo atrás, mas estou falando por mim, não falei com ninguém da torcida Culé. Não teria como vocês ganharem a partida deste domingo não.. 

 

Brincadeiras a parte, esta foi uma péssima derrota e em uma péssima hora para o Barcelona, que a postura apresentada nesta partida não venham a se repetir. Sabemos que mudanças estão ocorrendo na equipe e oramos para que venham a aparecer logo. O time precisa depender menos do Messi, e parar com essa mania chata de ficar só tocando a bola quando chega na grande área adversária. 

 

"Os jogadores precisam se adaptar à ideia do novo treinador. Apesar da derrota, há coisas boas e devemos continuar trabalhando. Certamente melhoraremos."-  Sergio Busquets

 

Voltamos a campo na quinta-feira (30), contra o Leganés, pelas oitavas de final da copa do rei. 

 

Pero nunca dejaré de ser del BARÇA. La decepción es  temporal, el amor por ti es eterno!!  

 

¡Visca El Barça!

 

Por: Thais Santos

 

*O BlogMec esclarece que os textos trazidos nesta coluna não refletem, necessariamente, a opinião do Blog.